Semana inicia com o preço dos combustíveis em leve baixa

Picture of Brasil 61

Brasil 61

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Semana inicia com o preço dos combustíveis em leve baixa

Após anúncio de elevação de preços pela Petrobras, o único combustível que dispara é o diesel nesta semana

Compartilhe:

O preço dos combustíveis registra leve queda, após duas semanas consecutivas de alta. As altas ocorreram com o anúncio de reajustes de preços da Petrobras, em vista de custos relacionados ao barril do petróleo no exterior e o preço do dólar. 

Porém, nesta semana, apenas o óleo diesel comum e S10 seguiram a mesma tendência de alta. 

Em média, houve redução de R$ 0,03/litro na maioria dos combustíveis. 

Os preços da gasolina comum e aditivada iniciaram a semana com queda de 0,20% e 0,30%, respectivamente. 

No país, a gasolina comum é comercializada em média a R$ 5,90 e a gasolina aditivada a R$ 6,00/litro. 

O preço mínimo de comercialização da gasolina comum ocorre em São Paulo, no município de Sorocaba, a R$ 4,80/litro, em posto de bandeira branca. 

Para o etanol hidratado, a queda foi de 0,27%. A média de comercialização do combustível é de R$ 3,65/litro. 

O gás veicular, GNV, registrou a maior queda de preços na semana, em 0,70%. A média de comercialização deste combustível no Brasil foi de R$ 4,40/m³. 

O gás veicular mais barato do país é comercializado em Pernambuco, em que diversas cidades o comercializam a R$3,40, pela quarta semana consecutiva e mesmo com o aumento de preços praticado pela Petrobras. Algumas dessas cidades são Olinda, Paulista, Recife, Vitória de Santo Antão e Igarassu. 

Os preços do óleo diesel comum e S10 seguiram a tendência de alta, de 1,70% e 1,30%. Esses são os combustíveis com maior aumento de preços, desde a decisão da Petrobras de reajustes. A média de comercialização desses combustíveis no Brasil foi de R$ 6,05 e de R$ 6,15/litro, respectivamente. 

O município de Santo Antônio de Pádua, no Rio de Janeiro, registrou o menor preço médio do óleo diesel comum, a R$ 4,10/litro. Esta comercialização ocorre em posto de combustíveis de bandeira branca. 

O menor preço do combustível S10 ocorre em São Paulo, em posto de combustíveis de bandeira Raízen, a R$ 4,70/litro. 

De modo geral, o estado mais barato para comercialização de combustíveis é Pernambuco, seguido por Rio de Janeiro e Alagoas. O estado mais caro para a comercialização de combustíveis é Roraima, seguido por Rondônia e Tocantins. 

A região brasileira que regista o maior preço de combustíveis foi o Norte do país, seguido pelo Centro-Oeste e Sul. Em seguida, estão Nordeste e, por fim, a região Sudeste, que tem a média mais baixa de combustíveis do país. 

Os dados são da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, a ANP. 

Fonte: Brasil 61

Deixe um comentário

+ Acessados

Veja Também

Quer ser o primeiro saber? Se increve no canal do PH no WhatsApp