Prefeitura altera decreto e abre espaço para realização de encontros de natureza religiosa

Prefeito apresenta avanços e anuncia contratação de mais serviços
Foto: Wheverton Barros

A Prefeitura de Rondonópolis alterou o decreto publicado na quinta-feira que garantia uma espécie de lockdown no final de semana.

O mais polêmico artigo do decreto foi alterado na manhã de hoje (5) e ganhou uma nova redação. O artigo 14- C dizia até ontem (4) à noite dizia que : “Fica proibida a circulação de pessoas, em qualquer horário, nos sábados, domingos, feriados e, após às 22h30min, de segunda a sexta-feira, sem motivo justificável de natureza essencial a vida e à saúde” e passou a ter a seguinte redação a partir da manhã hoje: “Fica proibida a circulação de pessoas, em qualquer horário, nos sábados, domingos, feriados e, após às 22h30min, de segunda a sexta-feira, exceto de natureza religiosa  de saúde e essencial a vida”.

Confira a versão original do decreto que teria sido publicada de forma indevida
Nova versão do artigo publicada na manhã de hoje

A alteração teria atendido a um pedido de um grupo de pastores evangélicos que estiveram na manhã de hoje na prefeitura. Vale destacar que a mudança no decreto não foi feita em forma de nova publicação e sim de uma errata na publicação anterior.

A Justificativa do município é que a primeira versão do decreto havia sido publicada de forma indevida.

Com essas mudanças, os eventos de natureza religiosa poderão ocorrer normalmente em Rondonópolis, mesmo com as medidas restritivas de fechamento do comércio.

No entanto as demais medidas restritivas do decreto como o fechamento do comércio nos finais de semana e a proibição de circulação  de pessoas aos sábados, domingo com exceção de motivos natureza religiosa e de saúde estão mantidos.

Leia mais sobre o assunto:

Decreto causa aglomerações e transtornos em Rondonópolis