Vereador defende que sobras do doudécimo sejam para construção do campus da Unemat

Mazett acredita que a Câmara deve devolver cerca de R$ 5 milhões para a prefeitura no final do ano

prefeitura encaminha projetos de lei de convênio para funcionamento da unemat na cidade

O vereador Elton Mazett (PSC) propôs na sessão da última quarta-feira (9) que os recursos que serão devolvidos pelo Legislativo no final de ano sejam destinados para o processo de construção da sede do campus da Unemat, em Rondonópolis.

Mazett entende que a Câmara de Vereadores não deve utilizar a totalidade dos recursos que são repassados ao Legislativo pelo Executivo e prevê uma devolução de mais de R$ 5 milhões de valores do doudécimo. “Esse dinheiro poderia muito bem ser encaminhado para a construção da Unemat, vou fazer essa proposta aos colegas vereadores e ao prefeito”, disse o parlamentar.

A ideia de carimbar o dinheiro devolvido do duodécimo não é novidade. Os recursos devolvidos no ano passado, por exemplo, pela Câmara foram utilizados exclusivamente para o recapeamento das vias da Vila Operária.

A proposta, no entanto, não atende alguns vereadores. Adonias Fernandes (MDB) declarou ser contra, por entender que a Unemat é do Governo do Estado e a ajuda poderia vir da Assembleia Legislativa e não da Câmara de Vereadores.

O asssunto Unemat tem tomado conta das discussões nas redes sociais de Rondonópolis. O prefeito Zé Carlos do Pátio (SD) tem dito em reuniões que defende que o município construa a sede local e reclamado que o Governo do Estado não tem dado o apoio necessário.  Pátio ainda apresentou um projeto arquitetônico para o campus local.

O deputado Thiago Silva (MDB) também tem defendido a Unemat e destacado que o Estado está trabalhando para a construção de uma sede local. Thiago assim como Zé, tem em mãos um projeto do campus e defende que pode destinar emendas parlamentares para a construção da unidade.

Cursos– A Unemat tem em Rondonópolis três cursos,  Direito, Computação e Letras. O curso de direito, no entanto, não é turma regular e sim especial e o campus local funciona como uma extensão de Alto Araguaia.

Na última quinta-feira (10), o jornal A Tribuna noticiou que o município perdeu recursos de R$ 600 mil relativos a manutenção do curso de direito, por meio de emenda, do deputado estadual Sebastião Machado Rezende.

Leia mais sobre o assunto:

Com emenda de Rezende, Unemat aprecia curso de Direito para Rondonópolis

Thiago Silva apresenta projeto para construção da sede da Unemat de Rondonópolis

Prefeitura apresenta projeto da Unemat para alunos da Escola Pindorama