R$ 15 MILHÕES- Thiago Muniz diz que retirada do projeto foi manobra e que município está burocratizando emendas em momento de Pandemia


O vereador Thiago Muniz (DEM) viu como uma manobra do Poder Executivo, a retirada do projeto de Lei que previa autorização para que o município de Rondonópolis pudesse utilizar os recurso da ordem de R$ 15 milhões do Governo Federal para amortização de dívidas e obras de asfalto.

Muniz explicou que a proposta contava com uma emenda dele e do vereador Fábio Cardozo vedando a utilização destes recursos para outros fins que não sejam para o combate da Covid-19.

O vereador explicou em entrevista ao programa Passando a Limpo, apresentado por Agnelo Corbelino, que a proposta iria passar com a emenda e com isso bastaria o prefeito sancionar. “Agora ficamos a mercê de um novo projeto que é para vir pela Prefeitura sabe lá quando”, disse o vereador.

Ele ainda explicou que o momento é de urgência em ações e que o quadro é complicado, ele ainda argumentou que a Pandemia está descontrolada em Rondonópolis. Enquanto isso, a Prefeitura está com o dinheiro e fica burocratizando a liberação destas emendas, parece que não caiu a ficha de alguns  da gravidade do momento que nós estamos vivendo”, completou o vereador.

A medida foi tirada de pauta na sessão de ontem (29) pelo vereador líder do prefeito, Juary Miranda de Moraes.

Leia mais sobre o assunto:

Projeto dos R$15 milhões é retirado da pauta pelo líder do prefeito