Primeiro encontro dos Futuros Produtores do Brasil 2015 será em Sorriso


A diversificação da produção agropecuária e o cooperativismo entre os produtores rurais serão temas do primeiro encontro do projeto Futuros Produtores do Brasil de 2015. O grupo formado por 30 jovens, filhos, netos e sobrinhos de produtores rurais, visitará a Cooperativa Agropecuária e Industrial Celeiro do Norte (Coacen) na sexta-feira (24/07) e a fazenda Herkapi no sábado (25/07) ambas em Sorriso. Os jovens também participarão da palestra “Ovinocultura na Nova Zelândia”, que será apresentada pela zootecnista Dayanne Almeida durante o Seminário Estadual de Ovinocultura.

A Coacen foi fundada em 2005, por um grupo de produtores rurais, durante a crise do agronegócio provocada pela queda dos preços da soja no mercado internacional. Os jovens terão oportunidade de conhecer o trabalho da cooperativa e a gestão de compras de insumos e vendas da safra.

Na fazenda Herkapi os participantes conhecerão a diversificação da produção e o exemplo de gestão familiar. Na propriedade de médio porte, são cultivados mil ha de soja, 700 ha de milho segunda safra, 150 ha são destinados à Integração Lavoura Pecuária (ILP) e em outros 150 ha são cultivados capim pé de galinha para produção de feno que é utilizado tanto para a alimentação das 600 cabeças de gado e dos 3000 ovinos como para comercialização na região.

A estudante de medicina veterinária, Camila Muniz da Silva, está animada para o primeiro encontro e espera poder aprender bastante durante o projeto para ajudar o seu pai. “Já estou no terceiro semestre da faculdade, tenho aprendido muito, mas acredito que para sermos um bom profissional é preciso buscar mais conhecimento. É isso que vou fazer durante o projeto, depois quero colocar tudo em prática na propriedade do meu pai”, diz a jovem.

Este é o terceiro ano que a Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT), realizam o projeto que tem o Patrocínio da Monsanto. O objetivo é despertar nos jovens o interesse pelo agronegócio e aumentar as possiblidades de realização pessoal e profissional.

Em 2015 o projeto terá duas turmas. A primeira é formada por jovens que participam do projeto pela primeira vez, o objetivo é ampliar a visão do agro nos quatro encontros que serão realizados em propriedades rurais consideradas referência na produção de grãos e pecuária. Além disso, os participantes visitarão Bolsa de Valores de São Paulo BM&F Bovespa e o Porto de Santos.

A turma de 25 jovens que participou do projeto no ano passado também continuará este ano com uma programação de visitas diferenciadas. Ao final dos encontros, eles participarão de uma cerimônia de encerramento e receberão certificado.