Ponto de Apoio ao Caminhoneiros atende mais de 1,2 mil motoristas na BR-163


Com oferta gratuita de alimentação e serviços aos caminhoneiros, o Ponto de Apoio da BR-163/MT atendeu 1.265 motoristas profissionais na primeira semana de funcionamento. A estrutura montada no Posto Aldo Locatelli, em Cuiabá, virou ‘parada obrigatória’ dos motoristas profissionais que percorrem a BR-163/364 em Mato Grosso.

No local, a Concessionária Rota do Oeste e o Serviço Social de Transporte / Serviço Nacional de Aprendizado do Transporte (Sest/Senat) oferecem lanche, marmita, orientações de saúde e prevenção ao coronavírus, kits higiênicos e higienização das cabines dos veículos.

Segundo a programação, os serviços serão ofertados até 10 de abril, sempre das 10h às 13h30. Os caminhoneiros que tiverem interesse podem usufruir dos serviços ofertados pelas instituições parcerias.  O funcionamento do Ponto de Apoio teve início em 27 de março e vai ao encontro das recomendações do Ministério da Infraestrutura, que classifica o transporte de carga como serviço essencial. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também participa da ação.

A pouca oferta de alimentação e serviços às margens das rodovias têm sido uma reclamação constante da categoria e o Ponto de Apoio tem amenizado a situação dos profissionais que atuam no abastecimento do país. Há 20 anos na estrada, o motorista Bento Barcellos esteve presente no evento e ficou satisfeito com a estrutura. “É muito bonito tudo isso aqui montado para nós caminhoneiros”, comentou.

O caminhoneiro Feitosa aproveitou a passagem pelo Ponto de Apoio e garantiu o lanche e o almoço. “Está complicado para quem vive na estrada. Por causa do coronavírus tem muita coisa fechada. Uma estrutura dessa aqui ajuda muito”.

O gerente de Relações Institucionais da Rota do Oeste, Roberto Madureira, reforça que todos os esforços da Concessionária são direcionados para o bem estar dos caminhoneiros, que são os principais usuários da BR-163.

“A meta é alcançar o maior número de pessoas possível. A importância dos motoristas profissionais é indiscutível e aumenta ainda mais em um momento como o que estamos vivendo neste momento. A Rota do Oeste não poupa esforços para minimizar as dificuldades que eles venham encontrar e todos os funcionários estão à disposição para ajudar”.

Além do Ponto de Apoio, a Rota do Oeste segue prestando todos os serviços ao longo do trecho sob concessão. Os funcionários foram treinados e contam com todo apoio para desempenhar as atividades de forma segura e saudável.

O diretor da unidade do Sest/Senat em Cuiabá, Ricardo Azevedo, lembra que a iniciativa é fundamental para os caminhoneiros e também para a população como um todo, que depende do trabalho desses motoristas que levam de um lado a outro do país alimentos, medicamentos, entre outros produtos.

“O Sest/Senat tem pontos de apoio espalhados em todo o Brasil, sempre levando o serviço e também um conforto a quem continua trabalhando nas estradas. Vale lembrar que as parcerias neste momento são muito importantes”.

No local, Rota do Oeste e Sest/Senat oferecem aos caminhoneiros:

– Refeição (lanche e/ou marmita);

– Orientação de saúde, especialmente com foco na prevenção ao coronavírus;

– Aferição de temperatura corporal;

– Encaminhamento médico em caso de mal estar ou sintomas de Covid-19;

– Kit higiênico com vários produtos (álcool em gel, máscara, luvas, sabonete, papel higiênico etc.);

– Serviço de higienização das cabines dos veículos;

– Disponibilização de psicólogo para orientações e esclarecimento de dúvidas;

– Contato com educador físico, que ensinará exercícios respiratórios e atividades que podem ser feitas em qualquer local;

– Preenchimento de formulário com informações pessoais, com objetivo de melhorar os serviços;