Polícia Federal de Rondonópolis realiza operação em Pedra Preta contra suspeito de abuso sexual infantil

Rafaela Lima

Rafaela Lima

Foto: PF

Polícia Federal de Rondonópolis realiza operação em Pedra Preta contra suspeito de abuso sexual infantil

Neste dia 23 de novembro, a Polícia Federal realizou a Operação Harpia para combater a distribuição de imagens e vídeos prejudiciais envolvendo crianças e adolescentes. Foi cumprido um mandado de busca e apreensão na zona rural de Preta Preta/MT, emitido pela Justiça Federal de Rondonópolis.

As investigações apontaram que o alvo da operação compartilhava e comercializava, por meio de grupos no aplicativo WhatsApp, imagens e vídeos de conteúdo pornográfico, incluindo cenas de abuso sexual infantil. O investigado chegou a fornecer um link para “amostras grátis” de arquivos em nuvem por meio do aplicativo, que, ao ser acessado, revelou diversos vídeos relacionados à prática criminosa de abuso sexual infantil.

A Polícia Federal ressalta a gravidade do crime e a relevância de ações como a Operação Harpia para conter práticas tão repulsivas. Caso seja confirmado o armazenamento, compartilhamento e/ou venda desses arquivos, o responsável poderá responder pelos crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente, com penas que, somadas, podem alcançar até 12 anos de reclusão.

A Polícia Federal permanece ativa na busca por criminosos que atentam contra a dignidade das crianças e adolescentes, utilizando todos os recursos disponíveis para combater essa forma abominável de criminalidade.

+ Acessados

Veja Também