Pátio reage ao G-9 e reclama de antecipação da pauta política

Prefeito anuncia RGA com pagamento na folha de janeiro

O prefeito Zé Carlos do Pátio reagiu ao G-9 ,grupo formado por representantes de nove siglas partidárias que pretende no processo eleitoral do ano que vem lançar um candidato para concorrer com Pátio),  alegando que o grupo estaria se antecipando na questão eleitoral. “Eles deveriam se reunir para discutir e buscar soluções para os problemas da cidade e não para discutir política, faltando ainda um ano para as eleições”, disse o prefeito em tom crítico ao grupo.

Pátio ainda explicou que caso o grupo queira discutir os problemas da cidade, ele está pronto para conversar com o grupo. “Posso mostrar vários problemas e o que estamos fazendo para resolver”, disse o prefeito.

Ele citou como exemplo a situação das entidades como a APAE e a Casa da Esperança que estão com os repasses em atraso do Governo Federal. “Estamos mandando uma Lei para a Câmara para garantir para nós uma suplementação para repassarmos esse dinheiro que o Governo Federal não está repassando”, destaco.

O prefeito desconversa sobre reeleição, tem dito que está focado na cidade e isso é assunto para o ano que vem, quando o processo eleitoral realmente se afunila. No entanto, ele já conta em sua base aliada com o PP, PTB e PRTB, além do seu partido o Solidariedade.

No final de semana, liderados pelo deputado federal José Medeiros, um grupo com representantes de nove partidos se reuniu para debater a possibilidade de fechar um arco de alianças para que as siglas lancem um candidato de consenso para enfrentar Pátio.

A grupo ainda deve conversar com Claudio Paisagista, pré-candidato do DC e com Ubaldo Tolentino de Barros, que também é pré-candidato do Cidadania, para debater a possibilidade de receber mais adesões.

Grupo busca projeto para disputar prefeitura em 2020