Grupo vai tentar definir nome único para disputa em 2020

Prefeitura fará loteamento para atender famílias de baixa renda que aguardam por moradia
Foto: Arquivo Assessoria



O grupo de partidos que está articulando candidaturas para disputar o processo eleitoral do ano que vem, tem mantido reuniões e também contato entre pré-candidatos via telefone.

Neste final de semana, um dos representantes do grupo, destacou que está trabalhando para unificar todas as pré-candidaturas que tem discurso de oposição ao prefeito Zé Carlos do Pátio (SD) em apenas uma.

A ideia do grupo, é que desta forma, em uma eleição polarizada em dois nomes, o prefeito caso entre na disputa, teria maior dificuldade em se eleger. O entendimento é que a divisão de votos em um primeiro momento beneficiária Pátio, que mantém uma parte do eleitorado cativo.

No entanto, Pátio já disputou eleições majoritárias com diversos quadros. Em 2004, por exemplo, foi candidato em um universo com quatro candidatos, Pátio disputou as eleições com Adilton Sachetti, Wellington Fagundes e Carlos Ihamber e saiu derrotado, na terceira posição.

No processo eleitoral de 2008, Pátio novamente entrou na disputar, porém desta vez, com apenas dois candidatos, e venceu o então prefeito Adilton Sachetti, que na oportunidade era o seu único adversário.

Nas eleições de 2016, Pátio entrou em uma disputar entre candidatos, ele bateu o ex-prefeito Percival Muniz, que estava no mandato e Rogério Salles.