Atualizada | Sargento da PM acusado de matar empresário se apresenta e é liberado em MT




O Sargento da PM, era o principal suspeito de ter cometido um homicídio em uma região de chácaras na cidade de Tapurah-MT.

Ele se apresentou na tarde desta quarta-feira (26), em uma delegacia da Polícia Judiciária Civil (PJC), local.

Pelo fato de não estar em situação de flagrante, o policial foi ouvido e liberado logo em seguida.

O Sargente, responderá pelo crime de homicídio, na justiça comum e também responderá pelo regime interno da Polícia Militar (PM).

O homicídio envolvendo o Sargento da Polícia Militar (PM), e um empresário, foi registrado na tarde desta última terça-feira (25), na região de zona rural do município de Tapurah-MT.

Segundo informações, os dois estavam em uma festa, quando começou a discussão.

O suspeito teria sacado uma arma e efetuado diversos disparos contra a vítima, que não resistiu e morreu no local.

A Polícia Militar (PM), foi acionada por um vizinho que teria ouvido os disparos.

Assim que a PM, chegou no local, encontrou o corpo dentro de um quarto trancado e o acusado já teria se evadido da cena do crime.

a Perícia Oficial de Identificação Técnica (POLITEC), também esteve presente auxiliando a Polícia Civil nas buscas de informações sobre o caso.

A vítima trata-se de Pedro Luis Pegorini, ele era proprietário de uma funerária na cidade de Lucas do Rio Verde.