Coder deve mudar para sede da antiga Frankhauser

Prefeitura investe na reestruturação da Coder
Matusalem Teixeira

A Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis  (Coder) pode ter uma nova sede. O assunto foi debatido na reunião da Ordem do Dia desta terça-feira (17). A presidente da Coder, Nivea Calzolari , explicou que a empresa pode assumir o terreno da antiga Frakhauser que foi retomado pela prefeitura de Rondonópolis.

Vereadores sabatinam nova diretoria da Coder
Presidente da Coder explicou que com mudança a prestação de serviços poderá ficar mais eficiente

A empresa tinha um projeto de se instalar no município em 1998, quando a cidade era governada por Alberto de Carvalho, mas não conseguiu cumprir os prazos para instalação e a prefeitura acabou requerendo o terreno na Justiça. A empresa estava em processo de recuperação judicial.

A proposta de cessão do terreno, no entanto, deve passar pela Câmara de Vereadores. No entanto, a presidente da Coder explicou aos parlamentares que neste espaço a empresa de economia mista poderá trabalhar de forma mais eficiente.

Ela explicou que no terreno há espaço para receber os novos maquinários que foram adquiridos e , principalmente, haverá condições para que a usina de asfalto passe operar de forma mais eficiente.

O terreno fica no anel viário na saída para Cuiabá.