Após assumir ser gay, jovem é espancado pela própria mãe

Foto ilustrativa

Um adolescente de 13 anos foi espancado pela mãe após assumir ser gay. O caso aconteceu na última segunda-feira (17), em Várzea Grande.

O garoto e a mãe teriam tido uma discussão após ele assumir sua homosexualidade e em seguida o garoto fugiu de casa e procurou o Conselho Tutelar da cidade, porém a unidade estava fechada e ele caminhou até uma base da Polícia Militar (PM).

O menino contou para os policiais que a mãe disse que iria cortar sua língua e que não era a primeira vez que ele teria sido agredido.

O caso é acompanhado pelo Conselho Tutelar e será apurado pela Polícia Civil.