Thiago Muniz não recua e diz que Pátio pode ter mais do que um adversário dependendo do “juízo” do grupo

Thiago Muniz não recua e diz que Pátio pode ter mais do que um adversário dependendo do “juízo” do grupo

O vereador Thiago Muniz, pré-candidato a prefeito pelo DEM tem participado das reuniões do chamado grupo de oposição ao prefeito Zé Carlos do Pátio. Ele explica que o número de adversários de Pátio vai depender do andamento deste grupo. “O Zé do Pátio pode ter um ou dois adversários dependendo do juízo do grupo”, disse.

No grupo, ele é uma das vozes que já se declara abertamente pré-candidato, além dele são pré-candidatos Thiago Silva (MDB), Ibrahim Zaher (PSB), José Medeiros (Podemos), Adilton Sachetti (PRB), Luiz Homem de Carvalho, o Luizão (PROS) e Rodrigo da Zaeli (PSDB).

Thiago analisa que o ele e o DEM não vão recuar do projeto de disputar as eleições em Rondonópolis. A análise para manter firme o propósito de entrar na disputa do ano que vem é baseada nas eleições passadas. Ele argumenta que em 2016, a cidade de Rondonópolis estava dividida em três grupos: um defendia a continuidade da gestão Percival Muniz; outro queria o retorno do sistema de trabalho do prefeito Zé do Pátio e o terceiro grupo que buscava um candidato mais jovem e com visão estratégica de gestão administrativa.  “Lembro que li uma pesquisa qualitativa que mostrava exatamente isso, e hoje pelo que estamos sentido ainda há espaço por um perfil jovem mas com experiência administrativa”, explicou Thiago.

No entanto, a terceira via apresentada,naquele momento, foi o ex-governador e ex-vice-prefeito Rogério Salles, que era diferente do que mostrava a pesquisa.

Na visão de Thiago, as eleições do ano que vem ainda pedem uma alternativa semelhante à que mostrava a pesquisa 2016 e com isso se vê credenciado a entrar na disputa. “Eu e o DEM já colocamos o nosso nome à disposição e não vejo que há motivos para recuar”.

O vereador está em seu segundo mandato e tem feito uma oposição pontual ao prefeito Zé do Pátio.

Noticias Relacionadas