Tempestade provocada pelo furacão Idália mata dois homens em acidentes separados na Flórida

R7

R7

Pinellas County Sheriff's Office

Tempestade provocada pelo furacão Idália mata dois homens em acidentes separados na Flórida

Dois homens morreram em acidentes de carro causados pelo mau tempo na manhã desta quarta-feira (30), no estado americano da Flórida, afetado pelo furacão Idália. O primeiro deles ocorreu pouco antes das 6h (horário local, 7h em Brasília), na cidade de Gainesville, no condado de Alachua.

Segundo a Patrulha Rodoviária da Flórida (FHP, na sigla em inglês), um homem de 59 anos dirigia uma picape Toyota em “condições extremamente chuvosas” quando caiu em uma vala no lado norte de uma rodovia e depois bateu em uma árvore. O motorista foi declarado morto no local quando o resgate de bombeiros do condado de Alachua chegou.

O segundo acidente aconteceu 15 minutos depois do primeiro, às 6h15 (horário local, 7h15 em Brasília), no condado de Pasco. Um homem de 40 anos que dirigia uma caminhonete e estava indo “rápido demais para as condições” climáticas acabou perdendo o controle. Da mesma forma que o primeiro, o veículo saiu da pista e colidiu com uma árvore. O motorista também morreu no local.

O Centro Nacional de Furacões (HNC, na sigla em inglês) anunciou na manhã desta quarta-feira que o furacão Idália tocou o solo na costa noroeste da Flórida como um furacão de categoria 3. Horas depois, porém, o fenômeno foi reduzido à categoria 2, e agora se encontra na categoria 1. Apesar da diminuição da intensidade dos ventos e das chuvas, especialistas ouvidos pela CNN internacional afirmam que “o pior ainda está por vir”.

+ Acessados

Veja Também