Telemedicina é alternativa de tratamento em tempos de Pandemia

Com o aumento de casos do novo coronavírus em Rondonópolis e em várias outras cidades de Mato Grosso, voltou a necessidade de evitar contato social e exposição em áreas abertas. 

“A telemedicina é uma forma de avaliação médica a distância, utilizando as tecnologias digitais que são altamente seguras e que permitem ao médico, por meio de técnicas específicas de exame, avaliar o paciente e tomar condutas, como a prescrição de medicamentos e pedidos de exames”, avalia o médico Luciano Cunha, diretor de telemedicina do Sistema Hapvida.

O especialista destacou que os médicos associados ao Hapvida estão preparados para a realização deste tipo de atendimento. Desde abril de 2020 mais de 250 mil teleconsultas foram feitas pela Companhia. Os clientes podem buscar informações sobre o serviço de telemedicina pelo portal ou pelo aplicativo da operadora. Em Rondonópolis, a São Francisco Saúde é credenciada ao Sistema Hapvida.






Para o professor aposentado José Carlos Dias Fernandes, é importante utilizar a ferramenta com frequência nos últimos meses em Rondonópolis. Ele disse que tem feito acompanhamento médico com relação ao tratamento da hipertensão. “Fiz várias consultas pelo sistema de telemedicina, recebi pedidos de exames e receitas pelo celular, foi muito tranquilo”, disse.

O interesse da população pelo atendimento online foi comprovado por um estudo do Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação. De acordo com os dados divulgados em outubro do ano passado, um quinto dos usuários de internet utilizou serviços de telessaúde, incluindo consultas, agendamentos e visualização de resultados de exames pela web.

O médico reforçou a importância de usar essa ferramenta devido aos riscos de contágio. “Neste momento crítico utilizem cada vez mais a telemedicina como sua forma principal de apoio à saúde, evite sair de casa, ir aos PAs e hospitais presencialmente, evite se expor e expor às pessoas ao vírus”, finalizou.

Sobre o Sistema Hapvida

Com mais de 6,7 milhões de clientes, o Sistema Hapvida hoje se posiciona como um dos maiores sistemas de saúde suplementar do Brasil presente em todas as regiões do país, gerando emprego e renda para a sociedade. Fazem parte do Sistema as operadoras do Grupo São Francisco, RN Saúde, Medical, Grupo São José Saúde, além da operadora Hapvida e da healthtech Maida. Atua com mais de 36 mil colaboradores diretos envolvidos na operação, mais de 15 mil médicos e mais de 15 mil dentistas. Os números superlativos mostram o sucesso de uma estratégia baseada na gestão direta da operação e nos constantes investimentos: atualmente são 45 hospitais, 191 clínicas médicas, 46 prontos atendimentos, 175 centros de diagnóstico por imagem e coleta laboratorial.