Rondonópolis recebe 700 doses de BCG; vacinas estarão disponíveis em duas unidades de saúde

Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Ministério da Saúde repassou para Rondonópolis 700 doses da vacina BCG que estava em falta na cidade. A Secretaria Municipal de Saúde destaca que como não foram disponibilizadas muitas doses pelo MS, os pais com filhos recém-nascidos ou após um mês de vida, devem procurar as Estratégias de Saúde da Família (ESF) do Jardim Santa Clara ou do Jardim Iguaçu.

Além das duas unidades básicas de saúde onde as vacinas estarão disponíveis, uma remessa foi direcionada para a Santa Casa de Misericórdia e Maternidade de Rondonópolis, justamente para a imunização dos recém-nascidos no local.

A BCG imuniza o bebê contra a tuberculose e é tomada em dose única, o que deve ser feita logo após o nascimento ou caso não seja possível, depois de um mês de vida da criança. A recomendação do Ministério da Saúde é a vacinação de todos os bebês com a BCG.

A imunização contra a tuberculose é fundamental, já que é uma doença infecciosa e transmissível pelo ar que ataca os pulmões e ainda pode ocorrer em outros órgãos como rins, gânglios, ossos e intestino. Em casos graves, a tuberculose pode levar a morte.