Policiais concluem curso de doma racional de equinos

Equipe recebeu ensinamentos sobre estratégias de adestramento dos animais, além de aulas técnicas e práticas com exercícios de iniciação de doma racional.

Policiais concluem curso de doma racional de equinos
Oito policiais militares, um veterinário e uma estagiária participaram da capacitação em Cuiabá - Foto por: PMMT

Policiais do Regimento de Policiamento Montado da Policia Militar (RPMon) concluíram nesta sexta-feira (24.05) o Curso de Doma Racional de Equinos. A capacitação foi oferecida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural ( SENAR), na fazenda Várzea Alegre, em Cuiabá.

Oito policiais militares, um veterinário e uma estagiária do Regimento de Cavalaria da PM receberam ensinamentos sobre estratégias de adestramento dos animais.

Com aulas teóricas e práticas, os alunos participaram de exercícios de iniciação de doma racional como a aproximação, habituação, flexões lateral e vertical, movimento avante, fobia, recuo, desengajar os posteriores, aproximação da cerca, selar e montar o animal.

Aluno do curso,  sargento Warley de Morais Oliveira diz que a instrução foi  fundamental já que policiais da unidade especializada RPMon lidam diariamente com equinos.

“Possuímos um programa de remonta no Regimento, que produz potros que precisarão ser domados e inseridos na prática de policiamento montado. Através dos conhecimentos adquiridos aqui, saberemos retirar vícios e ensinar aos animais o comportamento correto” avaliou o sargento.

Com 40 horas de carga horária, o curso que iniciou na última segunda-feira (20.05) foi ministrado pelo instrutor do SENAR, Denis Cristian Lino, especialista em doma.  O instrutor explica que a doma racional de cavalos é uma técnica de domesticação que faz toda a diferença no resultado do trabalho.

“Essa técnica consiste na utilização do estudo do comportamento animal para que a comunicação entre o homem e o cavalo seja feita através de respeito e confiança mútua, de líder e liderado. Com o objetivo principal de domesticar o animal sem o uso da violência, o que faz toda diferença no trabalho e na relação entre o cavalo e o domador”, conta Denis. 

O veterinário José torres conta que a doma racional trás toda parte do bem estar animal, do respeito, manejo, comportamento, da facilidade na abordagem do cavalo na baia e nos procedimentos veterinários, transmitindo a confiança e facilitando a consulta do animal, pontuou.

A doma moderna ou racional consiste num processo de amansamento e socialização do cavalo, adotada no mundo inteiro. A doma é a tentativa de estabelecimento de uma linguagem de comunicação entre homem e cavalo, através de sinais comportamentais.

De acordo com o Comandante do RPMon, tenente-coronel Walmir Barros Rocha, na Cavalaria da Polícia Militar a utilização dos cavalos tem inúmeros fins, sendo o patrulhamento a principal ocupação.

“Os animais são submetidos ao treinamento voltado para o trabalho de sentinela, servindo a população como um verdadeiro militar. O objetivo da realização deste trabalho foi a busca e a troca de conhecimentos teóricos e práticos relacionados com a criação destes animais possibilitando um melhor aproveitamento da complementação profissional desenvolvida na área de equideocultura, a partir da prática de manejo e doma utilizada para os cavalos do Regimento de Policiamento Montado”, ressalta o tenente-coronel Rocha.