Polícia Militar prende quatro mulheres por tráfico de drogas em MT

Picture of PM-MT

PM-MT

Foto: PMMT

Polícia Militar prende quatro mulheres por tráfico de drogas em MT

Suspeitas foram presas com tabletes e porções de maconha e cocaína

Compartilhe:

Policiais militares do 22º Batalhão prenderam quatro mulheres, com idades entre 27 e 43 anos, por associação para tráfico de drogas, na noite desta quinta-feira (11.04), em Peixoto de Azevedo. Com a quadrilha, a PM apreendeu tabletes e porções de substâncias análogas à maconha e cocaína.

Conforme o boletim de ocorrência, a equipe do 22º BPM recebeu denúncias anônimas sobre uma mulher que estaria em uma motocicleta distribuindo entorpecentes em pontos de vendas de drogas da cidade. Ainda de acordo com a denúncia, a suspeita era de outra cidade e fazia uso de tornozeleira eletrônica.

Em diligências, os militares encontraram uma mulher com as mesmas características informadas e realizaram abordagem. Com ela, encontraram uma porção grande de cocaína. Ao ser informada sobre a denúncia, a suspeita confirmou os fatos e disse aos policiais que teria deixado o restante das drogas nas residências de outras três mulheres.

A PM seguiu aos endereços informados pela suspeita e localizou o restante da quadrilha. Na primeira casa, uma mulher foi detida com dois tabletes de maconha e porções de cocaína. A suspeita afirmou aos militares que iria receber uma quantia em dinheiro para guardar os entorpecentes.

Nas outras duas casas, mais duas mulheres foram detidas. Nos locais, a PM apreendeu duas metades de tabletes de drogas, sendo maconha e cocaína. As criminosas também afirmaram que iriam realizar a venda dos entorpecentes.

Todas as quatro mulheres encontradas foram presas em flagrante e conduzidas à delegacia de Peixoto de Azevedo para registro da ocorrência e demais providências.

Disque-denúncia   

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.

Deixe um comentário

+ Acessados

Veja Também

Quer ser o primeiro saber? Se increve no canal do PH no WhatsApp