Mato Grosso Saúde alcançou mais de 25 mil beneficiários

estado amplia procedimentos cirúrgicos em rondonópolis



Nos primeiros quinze dias de 2017, mais de 200 pessoas aderiram ao Mato Grosso Saúde. Com isso, o programa conta com 25.075 inscritos, sendo 12.691 titulares, 9.506 dependentes e 2.878 agregados, segundo o coordenador de programas de saúde, Jair Ribeiro Teixeira.

Deixando o cargo, o presidente do Instituto, Carlos Brito, atribuiu este aumento ao forte processo de reestruturação que o Mato Grosso Saúde passou no último ano. Ele cita a negociação e pagamento de mais de R$ 45 milhões em dívidas encontradas, o que levou ao retorno dos atendimentos da rede credenciada, gerando uma maior oferta de serviços médicos, hospitalares e laboratoriais aos beneficiários. Além disso, houve a abertura de novos canais de comunicação e o processo de comunicação do Instituto ampliou o relacionamento com os beneficiários e prestadores as informações aos servidores do Estado. “O Governador Pedro Taques foi um grande apoiador dessa reestruturação”, diz Brito.

Outra medida que contribuiu para que o número de beneficiários chegasse a mais de 25 mil vidas foi a concordância do Governo ao não reajustar os valores das mensalidades, diferente de outros planos de saúde que sofreram reajuste de 13,57% em 2016.

Atualmente os valores das mensalidades do Mato Grosso Saúde chegam ser 3x menores, em comparação a outras operadoras de planos de saúde do mercado, tendo o seu valor mais alto em R$352,21 para enfermaria e R$438,40 para apartamento. A tabela completa com os valores das mensalidades pode ser acompanhadaclicando aqui.

“O Mato Grosso Saúde vive uma nova fase: a do crescimento. São mais 110 prestadores entre médicos, laboratórios clínicos e imagem, hospitais e clínicas para atender os nossos beneficiários. Além disso, 32 municípios estão sendo abrangidos com o edital de credenciamento para o interior do Estado, levando a interiorização dos atendimentos da nossa autarquia”, explica Carlos Brito.

Hoje a adesão ao Mato Grosso Saúde também pode ser realizada de forma on-line por meio do site do Instituto:www.matogrossosaude.mt.gov.br. Servidores exclusivamente comissionados também podem aderir ao Plano, tendo a opção da permanecer nele após sua saída do Estado.