Governo libera R$ 8,9 milhões para o Museu Nacional

Repasse será usado na execução das obras para proteger o prédio, recolher entulhos e separar o acervo

Governo libera R$ 8,9 milhões para o Museu Nacional
Primeira etapa da obra envolverá escoramento, estruturação emergencial e instalação de telhado de proteção - Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

O governo federal liberou nesta quinta-feira (20) R$ 8,9 milhões para a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) contratar a empresa que será responsável pela execução das obras emergenciais de reconstrução do Museu Nacional, no Rio de Janeiro. A quantia faz parte dos R$ 10 milhões anunciados após o acidente.

Encerrado o processo de escolha da empresa, a primeira fase será de obras de segurança, como isolamento do local, colocação de proteção para evitar desabamentos, reforço e cobertura das estruturas do prédio que resistiram ao incêndio. A previsão é que as intervenções ocorram durante 180 dias.

“A partir de hoje o recurso estará na conta da UFRJ para que eles possam tomar os próximos passos, especialmente para proteger o acervo, proteger o prédio, para que não tenha risco de desabamento e também apoiar a própria perícia da Polícia Federal”, explicou o ministro da Educação, Rossieli Soares.

Festival

Neste sábado (22) e domingo (23), a Quinta da Boa Vista, onde fica o Museu Nacional, recebe o festival Museu Nacional Vive. De acordo com a UFRJ, o objetivo é mostrar que o museu segue trabalhando, apesar do incêndio ter destruído parte do acervo histórico.

Ainda segundo a universidade, o público do evento poderá acompanhar as ações voltadas para a recuperação do museu: informações sobre o acervo, trabalhos dos pesquisadores, expectativas e o que será realizado nos próximos anos, além de como estimular as ações educativas, culturais e artísticas.