Governo de MT entrega novilhas a agricultores familiares de 10 municípios da Região Norte

Secom-MT

Secom-MT

Governo de MT entrega novilhas a agricultores familiares de 10 municípios da Região Norte

Mais noventa novilhas de alta produção e qualidade de leite passam a integrar o rebanho leiteiro da agricultura familiar de Mato Grosso. Por meio do projeto de melhoramento genético do rebanho leiteiro do programa Mato Grosso Produtivo Leite, o Governo do Estado fez, nesta terça-feira (04.04), a entrega de 45 novilhas prenhes Girolando meio-sangue para pequenos produtores associados à Cooperativa Associada Mista Terranova (Coopernova). Como contrapartida pela participação no programa, a cooperativa entregou outras 45 novilhas prenhes.

Para a aquisição das novilhas, a Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf) fez investimentos na ordem de R$ 808.650,00. Esta é a quinta e maior entrega de prenhezes desde o início do programa, em 2022. 

A entrega simbólica foi realizada pela secretária de Agricultura Familiar, Teté Bezerra, e pelo presidente da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer), Renaldo Loffi, nesta terça-feira, durante o sorteio das novilhas para os produtores, na sede da cooperativa, em Terra Nova do Norte (cerca de 650 km de Cuiabá). As outras 45 novilhas prenhes adquiridas pela cooperativa serão financiadas para os produtores beneficiados, em condições que eles consigam pagar com tranquilidade. 

No total, considerando a parte da Seaf e a contrapartida da Coopernova, 90 novilhas com gestação entre quatro e oito meses, todas com embrião sexado de fêmea Girolando meio sangue, integrarão os rebanhos de produtores familiares de Colíder, Guarantã do Norte, Matupá, Nova Canaã do Norte, Nova Guarita, Nova Santa Helena, Novo Mundo, Peixoto de Azevedo, Sinop e Terra Nova do Norte. Cada produtor que participa dessa entrega ficará com duas novilhas prenhes, uma doada pelo Governo e outra financiada pela cooperativa.

Segundo a secretária Teté Bezerra, a entrega dessas novilhas possibilita que os produtores tenham resultados imediatos no aumento de produção e na qualidade do leite, isso sem contar que, em dois anos, essa novilha já terá se multiplicado.

“Esse gado, com essa genética e especificações, vai trazer um impacto positivo para toda a pecuária de leite. Esse é um programa que o governador Mauro Mendes tem defendido como um projeto muito rápido para fazermos que nossa média de produção de leite possa avançar”, destacou a secretária. 

Outro benefício do programa MT Produtivo Leite é o incremento na geração de renda, conforme ressaltou o presidente da Coopernova, Daniel Robson Silva.

“Além de aumentar a renda dos agricultores familiares, estas novilhas trarão mais matéria-prima para as indústrias de Mato Grosso. Nós, que somos a maior cooperativa de agricultura familiar do Centro-Oeste, entendemos que a iniciativa do Governo e Seaf merece reconhecimento pela importância do programa para os pequenos produtores de leite”, disse Daniel. 

O presidente da Empaer, Renaldo Loffi, ressaltou que o programa vem ao encontro da necessidade que os agricultores familiares têm demonstrado de melhorar a tecnologia e qualidade do leite com custos menores de produção. “Esse programa também impacta positivamente a qualidade de vida dessas famílias”, pontuou. 

Devanir Messias dos Santos é agricultor familiar em Peixoto de Azevedo (distante 675 km de Cuiabá) e foi um dos beneficiados pelo programa MT Produtivo Leite. Ele conta que está com muita expectativa para receber a novilha, pois com um gado de alta genética, como o entregue pelo Estado e financiado pela Coopernova, a produção deve aumentar.

“O produtor quer produzir leite. Hoje temos gado com baixa produção e que precisa de muito investimento. Com uma novilha de alta genética a gente conseguirá produzir o leite com menos custo. Por isso que esse programa é um grande incentivo do Governo de Mato Grosso”, afirmou o produtor. 

A produtora familiar Aumicélia Costa de Oliveira acompanhou ansiosa o sorteio para saber quais as novilhas levaria para sua chácara em Novo Mundo (cerca de 810 km de Cuiabá). Para ela, essa entrega representará, além da melhoria na qualidade do leite, o aumento do rebanho, com vacas de melhor genética.

“Se a gente tiver um bom pasto e um lugar adequado, as novilhas vão comer bem e produzir bastante leite. Isso ajuda até a manter os jovens na cadeia do leite, pois teremos resultados melhores com menos desgaste”, revelou. 

As novilhas serão repassadas aos produtores nesta quarta-feira (05.04). Nos próximos meses, ainda pelo projeto de melhoramento genético do Governo de MT, os agricultores familiares beneficiados receberão assistência técnica mensal dos técnicos Copernova (que é outra contrapartida da cooperativa) e acompanhamento da equipe da Empaer, que são parceiros do programação orientações  e assistência técnica.

+ Acessados

Veja Também