Estadual começa hoje com “todos” contra o Cuiabá

Lucas Franco Perrone com informações da assessoria

Lucas Franco Perrone com informações da assessoria

Estadual começa hoje com “todos” contra o Cuiabá

O campeonato estadual mato-grossense ,desde ano coloca na disputa dez clubes.

Na verdade, são nove clubes com um único objetivo, bater o Cuiabá Esporte Clube, atual dono da hegemonia no futebol local.

Exemplo nacional de sucesso, clube-empresa, único representante do estado na Série A do Brasileiro, o Cuiabá é superfavorito. No papel não adversários com capacidade de parar o Dourado.

O time conta com craques que fazem e fizeram o nome no futebol nacional, a começar com o goleiro Walter, os meias Rodriguinho e Valdívia, dentre outros.

Valdívia é um dos destaques do Cuiabá para a temporada

 

No entanto, o fato de ter um superfavorito, isso não quer dizer que não vai ter disputa.

Os clubes apostam em falhas do Dourado e preparam surpresas. As equipes também contam com o fato de que o Dourado deve fazer uma espécie de laboratório para a disputa e fazer muitas experiências para colocar o time em ritmo para a Série A do Brasileiro.

Vale destacar que nos últimos dez estaduais, o time da capital venceu sete.

O clube apenas não venceu os estaduais de 2012, 2016 e 2020.

Por outro lado, equipes tradicionais de Mato Grosso estão dispostas a quebrar a escrita do Cuiabá.

Operário e Dom Bosco, times históricos do Estado prometem dar trabalho. Operário investiu pesado para ser o principal antagonista do Dourado.

Operário aposta em camaronês para surpreender

 

Ainda na baixada cuiabana, vem o Ação, time que tem crescido nas últimas competições.

No interior, o União Esporte Clube, também promete ir para cima. O Colorado quer quebrar um tabu que começou em 2010, quando ganhou o seu último título. O Glorioso sonha com uma revanche contra o Dourado, em razão do título estadual perdido em 2004, quando o União foi vice diante do Cuiabá em pleno Luthero.

Odil Soares vai comandar o União , neste estadual

Vale destacar ainda que o caçula de Rondonópolis, o Academia, atual vice-campeão da segunda divisão também estará em campo. O Academia estreeia na primeira divisão apostando em velhos conhecidos como o goleiro Naldo e o eficiente Maranhão.

No comando do Capitão América está Edilson Júnior, jovem treinador  de apenas 35 anos.

Edílson Júnior é o técnico do Capitão América. Foto: Gil Gomes

 

Com isso, pela primeira vez, desde 2015, a cidade volta a ter dois times no estadual. Naquele ano, disputaram a competição o União e o REC.

O União é o único clube de Mato Grosso que desde 1973 disputou na primeira divisão todas as edições do estadual .

O Nortão também vem forte. Aposta no Luverdense, que tenta voltar aos velhos tempos, e recuperar o protagonismo no futebol local, após cair da série B do Brasileiro para a Série D.

´Márcio Nunes é comandante do Luve e diz que  briga por título

 

O Sport Sinop, aposta no retrospecto da segunda divisão, quando foi campeão no ano passado.

O Sorriso também sonha em reviver os velhos tempos, quando foi bicampeão estadual na década de 90.

E o Mutum, time que sempre tem feito boas campanhas, quer repetir o resultado de 2020, quando surpreendeu e levantou a taça.

Cuiabá e Ação abrem a competição neste sábado (22), às 15h30, na Arena Pantanal com transmissão da TV Centro América para todo o estado.

As chances de cada clube no estadual deste ano :

Cuiabá – Simplesmente “favoritaço” , qualquer resultado que não for o título será um desastre.

Ação – Não pensa em título, mas quer fazer um bom papel

Academia– Time caçula na competição, que trabalha para fazer um bom papel e quer surpreender.

Operário – É apontado como principal antagonista do Cuiabá.

Sorriso– Entra no estadual sonhando em reviver os velhos tempos, quando foi bicampeão estadual na década de 90.

 Nova Mutum – Foi em 2020 campeão estadual e sonha em desbancar o Cuiabá.

Luverdense– Outro time que pretende reviver o passado de glórias no futebol de Mato Grosso.

Sport Sinop – Outro caçula que sonha em surpreender.

Dom Bosco– Aposta na tradição para voltar ao topo.

União– Conta com sua apaixonada torcida e com a experiência do técnico Odil, quer sair de uma fila de mais de dez anos.

Modernidade vai marcar o Estadual

A Federação Matogrossense de Futebol e a Eleven Sports, fecharam acordo para a transmissão dos jogos do Campeonato Mato-grossense 2022, através da internet. Com exceção das partidas mostrada pela TV Centro América, todos os demais jogos estarão disponíveis pelo streaming.

As transmissões serão disponibilizadas de forma gratuita, sem a necessidade dos torcedores pagarem para ter acesso aos jogos no site.

Além das transmissões das partidas do MT 2022, a Eleven irá também, transmitir as outras competições organizadas pela FMF, incluindo, a Copa FMF, o Mato-grossense da 2ª divisão, Feminino, e os campeonatos de base.

“O futebol de Mato Grosso ganha outro importante parceiro. A Eleven chega para contribuir ainda mais com a nossa evolução. Já temos a TV Centro América mostrando as partidas em tv aberta, e agora iremos contar com as transmissões via streaming através da Eleven”, disse Aron Dresch, presidente da FMF.

As transmissões ao vivo já começam nesta rodada de abertura. Sorriso x Nova Mutum, Luverdense x Sport Sinop, e Dom Bosco x União estarão disponíveis no site. Cuiabá x Ação terá transmissão pela TV Centro América.

Campeões do Campeonato Mato-Grossense

Ano – Campeão – Vice

1943 – Mixto – Paulistano

1944 – Americano – Atlético Matogrossense

1945 – Mixto – Atlético Matogrossense

1946 – Atlético Matogrossense – Americano

1947 – Mixto – Dom Bosco

1948 – Mixto – Dom Bosco

1949 – Mixto – Palmeiras-MT

1950 – Atlético Matogrossense – Dom Bosco

1951 – Mixto – Americano

1952 – Mixto – Dom Bosco

1953 – Mixto – Americano

1954 – Mixto – Dom Bosco

1955 – Atlético Matogrossense – Dom Bosco

1956 – Atlético Matogrossense – Mixto

1957 – Atlético Matogrossense – Mixto

1958 – Dom Bosco – Atlético Matogrossense

1959 – Mixto – Americano

1960 – Dom Bosco – Atlético Matogrossense

1961 – Mixto – Operário de Várzea Grande

1962 – Mixto – Palmeiras-MT

1963 – Dom Bosco – Mixto

1964 – Operário de Várzea Grande – Mixto

1965 – Mixto – Dom Bosco

1966 – Dom Bosco – Mixto

1967 – Operário de Várzea Grande – Mixto

1968 – Operário de Várzea Grande – Boa Vista-MT

1969 – Mixto – Palmeiras-MT

1970 – Mixto – Comercial

1971 – Dom Bosco – Mixto

1972 – Operário de Várzea Grande – Comercial

1973 – Operário de Várzea Grande – Mixto

1974 – Operário de Campo Grande – Dom Bosco

1975 – Comercial – União Rondonópolis

1976 – Operário de Campo Grande – Mixto

1977 – Operário de Campo Grande – Comercial

1978 – Operário de Campo Grande – Dom Bosco

1979 – Mixto – Dom Bosco

1980 – Mixto – União Rondonópolis

1981 – Mixto – Operário de Várzea Grande

1982 – Mixto – Operário de Várzea Grande

1983 – Operário de Várzea Grande – Mixto

1984 – Mixto – União Rondonópolis

1985 – Operário de Várzea Grande – Mixto

1986 – Operário de Várzea Grande – Mixto

1987 – Operário de Várzea Grande – Mixto

1988 – Mixto – Barra do Garças

1989 – Mixto – Dom Bosco

1990 – Sinop – Mixto

1991 – Dom Bosco – União Rondonópolis

1992 – Sorriso – Mixto

1993 – Sorriso – Operário de Várzea Grande

1994 – Operário de Várzea Grande – Dom Bosco

1995 – Operário de Várzea Grande – União Rondonópolis

1996 – Mixto – Sinop

1997 – Operário de Várzea Grande – União Rondonópolis

1998 – Sinop – Operário de Várzea Grande

1999 – Sinop – Juventude de Primavera do Leste

2000 – Juventude de Primavera do Leste – Sinop

2001 – Juventude de Primavera do Leste – União Rondonopolis

2002 – Operário de Várzea Grande – Juventude de Primavera do Leste

2003 – Cuiabá – Barra do Garças

2004 – Cuiabá – União Rondonópolis

2005 – Vila Aurora – Operário de Várzea Grande

2006 – Operário de Várzea Grande – Barra do Garças

2007 – Cacerense – Grêmio Jaciara

2008 – Mixto – União Rondonópolis

2009 – Luverdense – Araguaia

2010 – União Rondonópolis – Operário de Várzea Grande

2011 – Cuiabá – Barra do Garças

2012 – Luverdense – Cuiabá

2013 – Cuiabá – Mixto

2014 – Cuiabá – Luverdense

2015 – Cuiabá – Operário de Várzea Grande

2016 – Luverdense – Sinop

2017 – Cuiabá – Sinop

2018 – Cuiabá – Sinop

2019 – Cuiabá – Operário de Várzea Grande

2020 – Nova Mutum – União Rondonópolis

2021 – Cuiabá – Operário de Várzea Grande

+ Acessados

Veja Também