Empresário é preso após arrastar morador de rua até a morte em carro

Vigilante também foi detido suspeito de participação

Foto: Reprodução

Um empresário foi preso acusado de matar um morador de rua em São Luís, no Maranhão. Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que o homem amarra a vítima em um carro e a arrasta até a morte. Um vigilante também foi detido suspeito de participação no crime.

De acordo com a Polícia Civil, o morador de rua furtava quentinhas no restaurante do suspeito, o que teria motivado o assassinato. O caso aconteceu no dia 17 de maio, mas só foi divulgado pelas autoridades nesta quarta-feira (28).

A vítima foi identificada como Carlos Alberto Santos, de 36 anos. O corpo foi encontrado com diversas lesões. As imagens mostram o motorista prendendo o morador de rua na traseira de uma caminhonete e arrastando ele por cerca de 1 quilômetro.




“O corpo foi encontrado bastante machucado e com sinais de que foi arrastado. As imagens falam por si, o rapaz estava sofrendo, se debatendo e o motorista, com muita frieza, tranquilamente bebe água, e segue com o corpo por um percurso de 1 km. É um crime bárbaro com requinte de crueldade”, disse o delegado Felipe César Mendonça para o site UOL.