Dupla é condenada a mais de 70 anos de prisão por morte de criança com tiro na cabeça em Rondonópolis

Aconteceu nesta última terça-feira (27), o julgamento de Eduardo Moraes da Silva, Ulisses Henrique dos Santos e Victor Hugo da Silva, sob a acusação do duplo homicídios ocorrido no dia 23 de julho de 2017, por volta das 19h30min, n rua 06 do bairro Jardim Liberdade em Rondonópolis-MT.

No dia do fato, vitimou Paulo Fabrício Guimarães e a criança D.F S, de apenas 1 e 10 meses, com um tiro na cabeça.

O julgamento que durou aproximadamente 21 horas teve início na manhã de terça-feira, com o sorteio dos jurados, percorreu durante todo o dia, tendo seu término as 6h desta quarta-feira (28).




O júri foi conduzido pelo Dr. Juiz de Direito, Wagner Plaza Machado Júnior que seguiu todas as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), realizando parte do procedimento por vídeo conferência.

Após uma longa jornada de julgamento, o Dr. Wagner Plaza leu a sentença no início da manhã de hj, onde Eduardo Moraes da Silva, foi condenado a 42 anos de prisão, por ter sido o mandante do caso, Victor Hugo da Silva, foi condenado à 33 anos de reclusão. Já Ulisses Henrique dos Santos, foi absolvido pro falta de provas.