Detran-MT orienta sobre os cuidados para uma viagem segura durante o feriado

Picture of Detran-MT

Detran-MT

Marcos Vergueiro - Secom/MT

Detran-MT orienta sobre os cuidados para uma viagem segura durante o feriado

Fatores relacionados à desatenção e excesso de velocidade são as principais causas de sinistros nas rodovias

Compartilhe:

O Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT) orienta os motoristas sobre os cuidados com a manutenção dos veículos antes de pegarem as estradas neste feriado da Semana Santa e Páscoa, para melhorar a conduta segura e percepção de riscos nas vias. 

“Fatores relacionados à desatenção e excesso de velocidade são as principais causas de sinistros nas rodovias. Os motoristas devem estar cientes desse cenário de imprudência e desatenção quando saírem de casa para viajar em feriados prolongados. É necessário redobrar os cuidados para ter uma viagem tranquila e segura”, explica a coordenadora de Ações Educativas de Trânsito do Detran-MT, Gresiella Almeida.

De acordo com a coordenadora, a principal recomendação aos motoristas é que só peguem a estrada se estiverem descansados e com o sono em dia.

“Quando não dormimos o suficiente, temos dificuldade de concentração, cansaço e uma percepção visual distorcida. Quando dirigimos nessas condições, aumentam os riscos de um sinistro de trânsito porque a nossa capacidade de reação a situações externas, como neblina, fumaça de queimadas, chuva, obras e má conservação na pista, ficam comprometidas”, explica.

Ela destaca que a obediência às leis de trânsito, como respeito aos limites de velocidade, às regras de ultrapassagem e a distância adequada em relação ao veículo da frente, por exemplo, podem evitar uma série de acidentes.

Confira algumas dicas e cuidados para aproveitar seu feriado sem correr perigos desnecessários:

Evite problemas mecânicos

Faça a manutenção regular do seu veículo e, antes de sair para pegar a estrada no feriado, observe se itens básicos de segurança estão funcionando, como freios, faróis, setas, limpadores e lanternas.

“Não viaje com pneus carecas, calibre os pneus e o estepe antes de sair. Cheque os níveis de água e óleo e verifique se macaco, triângulo e estepe estão no veículo. Esses cuidados podem evitar acidentes provocados por falhas mecânicas”, aponta Ademar Carlos Schultz, gerente de Vistoria do Detran-MT.

“São pequenos detalhes que podem fazer toda diferença quando deparamos em situações que podem culminar em um sinistro de trânsito”, ressalta o gerente.

Transporte de crianças e pets

Ao transportar criança no veículo, é necessário utilizar o bebê conforto para crianças de até um ano de idade e até 13 k; cadeirinha, para crianças de 1 a 4 anos e que tenham entre 9 e 18 quilos; e o assento de elevação, para crianças com idades entre 4 e 7 anos e meio, que não tenham atingido 1,45m de altura e tenham peso entre 15 e 36 quilos.

Para as crianças com mais de 7 anos e meio até 10 anos de idade e que ainda não tenham atingido 1,45 m de altura o transporte deve ser realizado no banco traseiro utilizando o cinto de segurança.

No caso de motos, a lei traz a proibição do transporte de criança menor de 10 anos ou sem condições de cuidar da própria segurança.

Se for transportar animais como cães e gatos, estes devem estar de peitoral e guia adaptada ou caixas específicas de transporte individuais para fixação ao veículo. Dessa forma, em uma possível frenagem mais brusca, o bichinho não será lançado contra as partes internas do veículo ou até mesmo contra o condutor.

Atenção também na volta

Essas regras não valem apenas para a viagem de ida. Os cuidados devem ser redobrados também no retorno da viagem, onde os acidentes podem ser ainda mais frequentes.

“Nem sempre o feriado é sinônimo de descanso. Por isso, na noite anterior ao retorno, evite o consumo de bebida alcoólica, pois tem efeitos tardios no nosso organismo. O ideal é não descuidar da hidratação e garantir uma boa noite de sono. Se beber, não dirija”, finaliza a coordenadora de Ações Educativas.

Deixe um comentário

Veja Também

Quer ser o primeiro saber? Se increve no canal do PH no WhatsApp