Contador João Zuffo é condenado a 60 anos de prisão

Primeira Hora

Primeira Hora

Foto: Divulgação

Contador João Zuffo é condenado a 60 anos de prisão

A 7ª Vara Criminal de Cuiabá condenou o empresário rondonopolitano, João Fernandes Zuffo, a 60 anos, 10 meses e 5 dias de prisão por diversos crimes. O contador, apontado como chefe de uma organização criminosa voltada para a prática de crimes patrimoniais, está preso desde dezembro de 2021 por participação em um latrocínio ocorrido em Juscimeira que vitimou o advogado rondonopolitano João Anaides Cabral Neto.

A defesa do contador pode recorrer da decisão, mas o pedido para recorrer em liberdade já foi negado pela Justiça e a manutenção da prisão preventiva garantida. Entre os crimes pelos quais foi condenado estão latrocínio, organização criminosa e corrupção de menores.

A condenação é da juíza Ana Cristina Silva Mendes, expedida ontem (09). Outras seis pessoas participantes do grupo criminoso, que segundo a denúncia do Ministério Público era chefiado por Zuffo, também receberam condenações.

+ Acessados

Veja Também