Comércio cresce mais de 14% no Amapá e cooperativa realiza Feirão para potencializar crescimento nas vendas para o fim de ano

Picture of Assessoria Sicredi MT/AP/PA

Assessoria Sicredi MT/AP/PA

Comércio cresce mais de 14% no Amapá e cooperativa realiza Feirão para potencializar crescimento nas vendas para o fim de ano

Compartilhe:

O comércio está aquecido no estado do Amapá e tem registrado sucessivas altas, tendo inclusive, superado a média nacional. Inclusive, o Amapá está entre os estados que mais responderam nos últimos meses, de forma mais intensa, pela aceleração do ritmo de recuperação do volume de vendas no varejo pós-pandemia.

Um estudo realizado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), com base no cruzamento de dados públicos de diversas fontes, aponta que o Amapá ocupa a terceira colocação no ranking de crescimento nacional com um aumento de 14,6% nas vendas acumuladas de janeiro a julho.

O estímulo é importante, principalmente, neste período de retomada da economia. O setor é um dos que mais gera emprego. E para quem pensa em aproveitar o bom momento, a cooperativa Sicredi Integração Mato Grosso, Amapá, Pará irá realizar o Feirão Sicredi para os associados do Amapá, com taxas e condições especiais para empréstimos e financiamentos. Para ter acesso ao crédito, o associado pode ir até as agências para buscar mais informações e ter acesso aos benefícios. O Feirão Sicredi acontecerá durante o mês de novembro.

“Queremos proporcionar condições especiais aos associados.  E nesta linha que estamos trabalhando, para cooperar com o acesso a linhas de crédito, financiamento ou empréstimo”, explica o presidente do Conselho de Administração da cooperativa, Marco Túlio Duarte Soares.

Em 2021, foram R$ 50 milhões de créditos pré-aprovados pela cooperativa. O objetivo é cooperar com a liberação de crédito para os associados, com condições mais atrativas, e com isso garantir a realização de sonhos e até ampliação de negócios e investimentos, que acabam retornando também para a comunidade local, dentro do conceito do cooperativismo.

O cooperativismo de crédito tem a capacidade de gerar transformações positivas na sociedade na retomada pós-pandemia. Esta é uma das bases da economia brasileira que tende a seguir em ascensão, visto que a crise fez com que mais pessoas se aproximassem e interessassem pelo modelo de soluções coletivas.

“Queremos cada vez mais incentivar as pessoas a crescer, queremos contribuir com o empreendedorismo regional, desenvolvimento local, e o feirão é uma forma de oferecer mais vantagens aos cooperados, com taxas exclusivas e condições mais atrativas. Queremos crescer de mãos dadas com nossos associados”, afirmou Marco Túlio.

Deixe um comentário

+ Acessados

Veja Também

Quer ser o primeiro saber? Se increve no canal do PH no WhatsApp