Caso dos respiradores ganha as manchetes do Jornal Nacional e Fantástico


O caso dos respiradores ganhou o noticiário nacional, neste final de semana. No sábado, o Jornal Nacional, destacou a história da empresa que vendeu respiradores falsos à prefeitura de Rondonópolis.

O principal jornal da Globo destacou que a prefeitura foi vítima de um golpe e lembrou situações semelhantes em Santa Catarina e no Rio de Janeiro.

No domingo (10), o Fantástico seguiu na mesma toada, e em matéria produzida por Eduardo Faustini, o repórter investigativo da emissora carioca, o foco também foram os golpes ocorrido no país.

No caso de Rondonópolis, o Fantástico ouviu o delegado responsável pela investigação, que lembrou que os servidores da prefeitura identificaram a fraude e chamaram a Polícia para investigar.

Na mesma reportagem o Fantástico diz que o responsável pela venda está preso e que ele, em sua defesa, alega que teria sido enganado por chineses e estaria disposto a devolver os recursos pagos pela prefeitura.

O município comprou 22 respiradores de uma empresa de Tocantins e não recebeu o produtos conforme as especificações da compra. Diante disso, o próprio município acionou a Polícia para rever o dinheiro gasto na aquisição, cerca de R$ 3 milhões. 

Vale destacar que 70% deste dinheiro já foi recuperado.