Após 4 anos, Oscar 2022 voltará a ter apresentador; Saiba quem poderá ser

Após 4 anos, Oscar 2022 voltará a ter apresentador; Saiba quem poderá ser

Última pessoa que comandou a premiação mais famosa do mundo dos filmes foi Jimmy Kimmel em 2018

Após quatro anos em formato diferente, a 94a cerimônia de premiação do Oscar voltará a ter um apresentador – que ainda será nomeado. A transmissão está marcada para o dia 27 de março.

Segundo o NY Post, Craig Erwich, presidente da Hulu Originals e da ABC Entertainment, anunciou a notícia na terça-feira durante a turnê de imprensa virtual da Television Critics Association.

A última pessoa a comandar o evento foi Jimmy Kimmel em 2017 e 2018. Desde então, a Academia de filmes vem experimentando novos formatos, incluindo uma variedade de participações especiais de astros de Hollywood e cantores.

A premiação começou a acontecer sem apresentador fixo em 2019. Na época, Kevin Hart estava programado para comandar o evento, mas  renunciou dias  depois de ser escolhido após polêmica com tweets seus antigos com teor homofóbicos terem vindo à tona.

Na ocasião, o Oscar prosseguiu sem nenhum apresentador e acabou sendo um sucesso surpreendente, com um aumento de audiência e elogios da crítica, mesmo com trinta minutos a menos de duração.

Em 2020 e 2021, o programa ficou com o formato sem apresentador, com inclusão de algumas entradas de Ricky Gervais. Para 2022 o evento, que está sendo produzido por Glenn Weiss e Will Packer, o Oscar voltará como era antes.

Outros anfitriões que subiram ao palco nos últimos anos foram Chris Rock em 2016, Neil Patrick Harris em 2015, Ellen DeGeneres em 2014, Seth MacFarlane em 2013, Billy Crystal em 2012 e James Franco junto com Anne Hathaway em 2011.

Nomes já especulados

Apesar de o novo apresentador ainda não ter sido nomeado, um astro de Hollywood já manifestou seu interesse por comandar o show: Tom Holland. De acordo com o The Hollywood Reporter, a Academia já inclusive teria entrado em contato com o intérprete de Homem-Aranha.

“Se eles me pedissem, eu faria, e seria muito divertido”, disse ele ao Hollywood Reporter . “Gostaria muito”.

Noticias Relacionadas