Aos 40 anos, mulher que teve 38 filhos passa por esterilização

Foto: Reprodução/Facebook/Kassim Kayira

Mariam Nabatanzi foi mãe pela primeira vez aos 12 anos, quando teve gêmeos logo após se casar. Hoje, aos 39, a ungandesa já deu à luz 44 filhos, dos quais seis não sobreviveram. Em entrevista ao jornal britânico Daily Mirror, a mulher revelou que passou por um processo de esterilização

O procedimento foi feito em um hospital de Kampala, na capital de Uganda. “O caso dela é predisposição genética para hiperovular, que libera vários óvulos em um ciclo, o que aumenta significativamente a chance de ter múltiplos bebês. É sempre genético”, disse o médico Charles Kiggundu, responsável pela cirurgia.

Mariam revelou que depois do nascimento de seus primeiros filhos, ela descobriu que tinha ovários maiores que o normal e foi instruída pelo médico a não usar anticoncepcionais.

A família vive em quatro casas simples em Kampala, a cerca de 50 quilômetros da capital do país. Os últimos filhos de Mariam nasceram há dois anos. Na época, seu marido e pai de todos os seus filhos a abandonou.

“Chorei muito após ele ter me abandonado, meu marido me fez sofrer demais”, relatou a mulher que hoje sustenta os seus 38 filhos fazendo diversos trabalhos. “Todo meu tempo é gasto ou cuidando dos meus filhos ou trabalhando para conseguir ter dinheiro para cria-los”, afirmou ela.

“Ela está muito sobrecarregada, o trabalho excessivo está acabando com ela. Nós ajudamos como podemos, mas ela ainda é a principal pessoa que sustenta a família”, disse ainda o filho mais velho da mulher para o jornal britânico.

Mariam termina dizendo que seu maior objetivo é a felicidade de seus filhos. “Tive que assumir muitas responsabilidades desde muito cedo, eu acho que não tive uma alegria desde quando nasci. Quero que ao menos meus filhos sejam felizes”, disse para o jornal.

(Foto: Reprodução/Facebook/Kassim Kayira)