Acordo prevê qualificação para receber turistas LGBT no Brasil

Objetivo do acordo é firmar o Brasil como destino gay-friendly nacional e internacionalmente Divulgação/Governo do Ceará

Para receber melhor os turistas do segmento LGBT no Brasil, um acordo de cooperação técnica foi assinado nesta segunda-feira (21) pelo Ministério do Turismo e pela Câmara de Comércio e Turismo LGBT do Brasil. A ação acontece no mês em que é comemorado o Dia Internacional Contra a Homofobia, 17 de maio.

O objetivo do acordo é firmar o Brasil como destino gay-friendly nacional e internacionalmente até 2023, garantindo que não haja preconceito no atendimento ao público por prestadores de serviço. De acordo com o ministro do Turismo, Vinicius Lummertz, a cada 10 turistas no mundo, um é do segmento LGBT, que movimenta 15% do valor total do turismo mundial, de acordo com a Organização Mundial do Turismo (OMT).

“O Brasil é uma nação muito conservadora, ainda que diversa. Mas o turismo faz muitas coisas acontecerem. Ele aproxima, cria canais, faz as pessoas viajarem, se comunicarem, se entenderem apesar dos idiomas distintos. O turismo é uma forma de ‘respirar’, de ‘oxigenar’ o Brasil”, afirmou Lummertz.