Vasco tenta explorar cansaço do Cuiabá para eliminar jogo de volta

em partida de futebol para anões, argentina derrota peru

O objetivo não é novo: buscar a vitória por dois ou mais gols de diferença para eliminar o jogo de volta nas fases inicias da Copa do Brasil. É isso que quer o Vasco, é isso que tentar evitar o Cuiabá. Mas a partida desta quarta-feira, às 22h (de Brasília), na Arena Pantanal, pela segunda fase da Copa do Brasil, tem dois ingredientes a mais: o cansaço dos donos da casa, que entraram em campo na tarde da última segunda-feira para conquistar o título estadual; e o desejo dos visitantes de esquecer a estreia frustrante no Campeonato Brasileiro.

Ainda em êxtase pela conquista do tricampeonato mato-grossense e do título da Copa Verde, o Cuiabá vai a campo para tentar fechar de forma perfeita a sequência de jogos decisivos. Apesar da empolgação das conquistas, a ordem no elenco é de não deixar a empolgação atrapalhar, já que a meta principal é levar o segundo jogo para o Rio de Janeiro. O cansaço é um dos principais problemas do grupo que disputou cinco jogos em 14 dias.

Também campeão estadual, o Vasco iniciou o Brasileirão cercado de expectativa, mas já tropeçou: empate por 0 a 0 com o Goiás em São Januário. Respeitando o adversário e suas conquistas recentes, o técnico Doriva vai mandar a campo força praticamente máxima.

Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP) apita a partida, auxiliado por Alex Ang Ribeiro (SP) e Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP).