Vacinação contra a Covid-19 começa em Tesouro nos grupos prioritários

As 84 doses da vacina Coronavac contra a Covid-19 chegaram ao município escoltadas por duas viaturas da Polícia Militar no início da tarde de ontem (20). O imunizante está sendo produzido em parceria com o Instituto Butantã de São Paulo e, a Farmacêutica Chinesa SINOVAC, e encaminhado pelo Estado de Mato Grosso aos Polos Regionais que distribuíram aos municípios.

A primeira vacinada no município foi a Técnica Administrativa que trabalha na linha de frente no combate ao Covid-19, Domingas Rodrigues de Sena Moraes. A servidora já trabalhou como técnica de enfermagem em Tesouro por 13 anos, e estava ansiosa pela chegada da vacina.

“Graças a Deus a vacina chegou e poderemos trabalhar mais tranquilos estando imunizados, agora a preocupação é com os nossos familiares que estão sem a vacina no momento, mas com muita fé em Deus logo terá vacinas para todos serem vacinados, ” disse Domingas.






Nessa remessa, 50 doses são destinadas aos profissionais da saúde, e 34 para idosos com mais de 60 anos mais vulneráveis, para Tesouro e Batovi. De acordo com a enfermeira, Fabiane Marcant, nesta primeira remessa de vacinas o município receberá ao todo 169 doses, que foram divididas em duas fases.

“Cada pessoa do grupo prioritário receberá duas doses da vacina, uma nesta primeira fase, e a segunda dose a programação é que seja enviada daqui 10 dias, ” falou Fabiane Marcant.

O Instituto Butantan, divulgou ontem (20) as contraindicações da Coronavac. A vacina é indicada para pessoas acima de 18 anos, pacientes com doença aguda, início de enfermidade crônica e histórico de epilepsia ou convulsão devem procurar um médico antes de tomar a vacina. Neste primeiro momento, gestantes e lactantes não devem se vacinar porque as pesquisas e estudos não contemplaram esse grupo.

“A vacinação começou no nosso município nesse grupo prioritário, porém, não devemos deixar de lado as medidas de prevenção, o uso obrigatório de máscara continua, o distanciamento social, a higienização das mãos com agua e sabão ou álcool em gel. Precisamos da colaboração de todos, só assim conseguiremos conter a disseminação do vírus na nossa cidade, ” recomendou a Secretária Municipal de Saúde, Paula Marques.