Trigêmeos de gestação natural deixam UTI de hospital em MT e esperam ganhar peso para ter alta

Trigêmeos estão em quarto de hospital sob os cuidados dos pais (Foto: Arquivo pessoal)



Os trigêmeos que nasceram no dia 1º de março em um hospital particular de Sinop, a 503 km de Cuiabá, saíram da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e estão em observação no quarto da unidade de saúde. Depois que ganharem peso, os irmãos devem receber alta.

Os meninos nasceram após 29 semanas de gestação. Arthur nasceu com 1.150 kg, Matheus com 855 gramas e Miguel com 815 gramas. Atualmente, estão pesando 2.840 kg, 2.120 kg e 1.820 kg, respectivamente.

O último bebê a deixar a UTI foi Miguel. A família está recebendo atendimento no quarto do hospital e devem ir para casa nas próximas semanas.

Laura Cristini e Fabiano Espíndola engravidaram de quadrigêmeos quando tentavam o 4º filho (Foto: Arquivo pessoal)

Laura Cristini e Fabiano Espíndola engravidaram de quadrigêmeos quando tentavam o 4º filho (Foto: Arquivo pessoal)

A funcionária pública Laura Cristini Ramos Dias e o supervisor de vendas Fabiano Espíndola, que já tinham três filhos, tentavam o quarto filho quando ela ficou grávida naturalmente dos quadrigêmeos.

Menor dos quatro irmãos, Pedro teve uma infecção nos rins e faleceu, com menos de duas semanas de vida. Ele nasceu com 780 gramas.

Os bebês nasceram de parto cesariano. Laura ficou 49 dias internada e em repouso para que tudo corresse bem.

De acordo com os médicos, a gravidez natural de múltiplos é raridade.