Torcedores culpam valor do ingresso por pouco público na Arena Pantanal




Cruzeiro e Corinthians protagonizaram o primeiro jogo com times da Série A do Campeonato Brasileiro na Arena Pantanal em 2015 e o público não foi o esperado. Apenas 11.773 torcedores pagaram para ver a vitória alvinegra com o gol solitário de Romero.

Ao longo da semana, a maioria dos torcedores reclamaram do valor dos ingressos que variavam de R$ 50 a R$ 200 e na opinião de muitos, esse foi o fator principal para o público pequeno na Arena Pantanal.

A partida deste domingo arrecadou R$ 860 mil, mas os organizadores ficaram no prejuízo. Pois para realizar o jogo em Cuiabá, a empresa Roni 7 pagou R$ 1 milhão ao Cruzeiro, clube mandante da partida.

O torcedor cruzeirense Sandoval de Oliveira Santos, 54 anos, mora em Cuiabá desde os anos 80 e pôde pela primeira vez ver seu time do coração jogando na capital mato-grossense. Mesmo assim ele reclamou do valor do ingresso.

– Não sou só eu. Tenho vários amigos que deixaram de prestigiar esse jogo por causa do alto preço dos ingressos. Os jogos de times de Série A aqui em Cuiabá tem tido ingressos muito caros e isso faz que o torcedor deixe de vir – desabafou o torcedor.

Fábio Luiz Cardoso, corintiano de 44 anos, segue a mesma linha do torcedor cruzeirense e diz que o valor dos ingressos estão cada vez mais caros.

– Esse valor não está na realidade de Cuiabá, muito caro. Os ingressos tem que ser na faixa dos R$ 50 ou R$ 60. Só assim o torcedor vai encher o estádio. Se o ingresso de hoje fosse mais barato teríamos o dobro de público – disse.

O próximo jogo de um time da Série A do Brasileirão em Cuiabá já tem data marcada. Na quarta-feira, o Cuiabá recebe o Vasco da Gama na partida de ida da segunda fase da Copa do Brasil, às 21h (de MT), na Arena Pantanal. Os ingressos para esta partida já estão à venda e o preço varia de R$ 30 a R$ 80.