Terras indígenas no Espírito Santo serão recuperadas com apoio da Funai

consumo das festas de final de ano aumentam a produção de resíduos na capital

Para reforçar as ações de recuperação em áreas degradadas em terras indígenas do Espírito Santo, a Fundação Nacional do Índio (Funai) firmou acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos do estado (Seama).

Com a medida, cerca de 160 mil mudas devem ser plantadas em quase 200 hectares que hoje estão degradados. Tambémestão previstas atividades de gestão ambiental e a adoção de práticas de uso amigável do solo.

O acordo de cooperação técnicacomeçou a ser elaborado no ambiente de execução do Projeto Gati (2010-2016), com intensa participação de representantes indígenas locais, servidores da Funai e da Seama. A partir dos resultados, o acordo poderá servir de modelo para a aplicação em outras regiões do País.