Sob o comando de Geller, PP se reestrutura em MT e indica 1ª suplência de Fávaro

Foi confirmada na Convenção Estadual do Partido Progressista, realizada nesta terça-feira (15.09), em Cuiabá, a indicação da empresária Margareth Buzetti à 1ª suplência na chapa de Carlos Fávaro (PSD) ao Senado Federal. A indicação da progressista marca mais uma etapa da consolidação e expansão da sigla no Estado que segue sob o comando do federal e líder da bancada, Neri Geller.

“Conheço o Fávaro desde quando fui vereador por Lucas do Rio Verde, conheço sua história e sua família. Apoiamos esse projeto na certeza da vitória e vamos ajudar a construí-lo participando da coordenação da campanha junto com o governador Mauro Mendes”, disse Geller.



Empresária do ramo de recapagem e recauchutagem de pneus, Margareth Buzetti (PP), de 60 anos, compõe a chapa de Fávaro e destacou a importância da participação da mulher na política. “Agradeço a confiança depositada em mim e honrarei mais esse compromisso por Mato Grosso. Reforço para as mulheres: não ouçam aqueles que dizem que você não vai conseguir”, declarou Buzetti que, hoje, é presidente da Associação das Empresas do Distrito Industrial de Cuiabá (Aedic) e da Associação Brasileira de Reforma de Pneus (ABR).

Nos últimos dias os progressistas percorreram diversas cidades na região do Médio-Norte e Nortão mato-grossense estruturando o partido nas convenções municipais e fortalecendo o projeto pró-Fávaro.

“A população espera por políticos que trabalham de forma honesta. Não somos diferentes de nenhum outro trabalhador e vamos honrar cada um que acreditar na nossa proposta. Obrigado ao PP por caminhar conosco num espaço em que as mulheres terão vez e voz”, declarou o pré-candidato ao Senado, Carlos Fávaro.

PP em MT

Na presidência do partido há quase 1 ano, o parlamentar dobrou a quantidade de diretórios ativos e disputará o cargo em 86 cidades mato-grossenses nas eleições majoritárias. Isso significa que dos 141 municípios de Mato Grosso, 86 contarão com candidatos progressistas aos cargos de prefeito e vice-prefeito, sendo 48 pré-candidatos a prefeito e 38 pré-candidatos a vice-prefeito.

Dos candidatos, muitos são novos no partido e vieram entusiasmados pela condução da sigla por Geller. É o caso do candidato à prefeitura de Arenápolis, que será disputada por Éder Marques para substituir José Mauro que encerrará seu segundo mandato.

O PP também vem com força na região Noroeste, disputando cidades-chave como Colniza e Aripuanã. Em Chapada dos Guimarães, por exemplo, o partido mostra a força das mulheres na política e indicou a vereadora Michele Weber, como pré-candidata à prefeita do PP.

Nas eleições proporcionais ao cargo de vereador, serão aproximadamente 1200 candidatos progressistas.