Sindicatos Rurais entregam implementação da “Carta do Pantanal” ao ministro Ricardo Salles

Presidentes dos Sindicatos Rurais de Poconé, Cáceres e Cuiabá, entiades ligadas à Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), juntamente com representantes da Associação Brasileira de Criadores de Cavalo Pantaneiro (ABCCP), Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Instituto Ação Verde e Associação de Defesa do Rio Coxipó reuniram-se em audiência com o Ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles, dia 24 de setembro, em Cuiabá. O objetivo foi tratar dos planos de ações de prevenção e combate aos incêndios no Pantanal mato-grossense.

Durante o encontro foi entregue ao ministro uma implementação da “Carta do Pantanal Mato-grossense”, entregue em agosto desse ano. No documento constam propostas de políticas públicas de desenvolvimento, de combate ao fogo e sustentabilidade para o Pantanal. A proposta aponta a necessidade de ações de limpeza de pasto, substituição de pastagem, queima controlada, entre outras.

Também foi requerida a construção de três pistas de pouso e decolagem de aeronaves em locais estratégicos para prevenção de incêndios ou enchentes; melhoria das vias de acesso para facilitar a construção de açudes nos campos ou próximos à estrada Parque e Unidades de Conservação; implantação de uma rede de comunicação e segurança, tendo em vista o Pantanal estar em área de fronteira; criação de um Centro de Recebimento de Animais Silvestres no Bioma Pantanal, no município de Poconé e Cáceres, e criação de brigadas no Pantanal, composta por proprietários e trabalhadores rurais.




O documento reafirma o compromisso das entidades de se manterem unidas, em parceria com o Ministério de Meio Ambiente e Governo Federal em favor do Pantanal.