Simpósio destaca linhas de crédito e desafios do setor turístico em Rondonópolis

Foto: Wheverton Barros



O auditório do Paço Municipal lotou nesta quarta-feira (12), à tarde, para assistir às palestras “Linha de Crédito” e “Empreendedorismo” ofertadas para empresários do segmento turístico de Rondonópolis. Dessa forma, micro, pequenos e médios empresários e, ainda, pessoas que pretendem atuar no segmento turístico puderam absorver conhecimento para aplicar no desenvolvimento de projetos, viabilizando-os e movimentando a cidade com ofertas que atraiam visitantes para Rondonópolis.

Organizado pelo Setor de Turismo da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, o seminário contou com a presença do prefeito de Rondonópolis, Zé Carlos do Pátio, dos secretários Municipais de Desenvolvimento Econômico, Hermes Antonio Moriggi, o Big, e de Cultura, Humberto de Campos, da turismóloga responsável pelo Setor de Turismo da Prefeitura de Rondonópolis, Noemia Oliveira, do gerente do Centro de Atendimento Empresarial (CAE) da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Jarmes de Sousa, além da representante do DesenvolveMT Margareth Siqueira e do professor da Universidade de Cuiabá (Unic) – Campus Rondonópolis – Wilson Kanashiro, que leciona a disciplina empreendedorismo.

Noemia conta que o Setor de Turismo da Prefeitura ganha um novo fôlego e traz boas perspectivas com o trabalho desenvolvido para oferecer ao empreendedor do trade turístico opções de financiamento favoráveis aos seus investimentos. “Nosso primeiro passo foi buscar linhas de crédito com taxas de juros interessantes para estimularmos os investimentos desse público. Assim chegamos ao DesenvolveMT. Em seguida, decidimos promover um evento para divulgar aos profissionais de hotelaria, de agências de viagens, restaurantes e outras empresas deste setor os incentivos ao seu negócio e, também, abrir um espaço para abordar as principais questões a serem vencidas e as possibilidades disponíveis e para quem atua nessa área”, comentou a turismóloga.

Falando sobre linha de crédito, a representante do DesenvolveMT Margareth Siqueira explicou que a instituição é uma agência de fomento que busca contribuir para o desenvolvimento do Mato Grosso e, entre as linhas de crédito que possui, há uma voltada especificamente para o ramo do turismo com taxas diferenciadas. “Hoje, aqui em Rondonópolis, temos o CAE viabilizando essa linha de crédito” ressaltou, indicando o Centro de Atendimento Empresarial como porta de acesso a esse recurso. Ela ainda esclareceu que os valores financiados chegam a R$1 milhão e que financiam desde veículos até maquinários, eletrônicos, mobiliário, embarcações, equipamentos de lazer e entretenimento e obra civil para melhoria de instalações em hotéis e pousadas, por exemplo, entre outros empreendimentos turísticos.

Abordando os desafios de empreender, o professor de empreendedorismo da Unic Wilson Kanashiro apontou dificuldades e soluções pelas quais um indivíduo que decide ter seu próprio negócio passa. Com enfoque específico no turismo, ele destacou as características necessárias àqueles que atuam nesta área e a importância de ter empatia ao receber pessoas vêm de culturas diversas daquelas do local que visitam. “É preciso aprender a olhar com o olhar do outro para compreendê-lo porque, muitas vezes, o que é comum para alguns não o é para quem têm outra bagagem cultural”, assinalou. Criatividade, improvisação, flexibilização e boa interação para trocar informações são mais algumas qualidades que o professor indicou.

Mostrando-se entusiasmado com a iniciativa, Zé Carlos do Pátio afirmou: “Se tiver algum projeto coletivo de interesse público, a Prefeitura quer ajudar no fomento. Quero potencializar mais e já disse ao Jarmes e ao Big que eles têm porta aberta comigo”. O prefeito ainda acentuou: “A gente precisa valorizar o que é daqui, da nossa casa, valorizar o empresário da cidade. Quero investir muito nessa área”.