Seciteci e Prefeitura inauguram novo prédio da Escola Técnica de Lucas do Rio Verde

Seciteci e Prefeitura inauguram novo prédio da Escola Técnica de Lucas do Rio Verde

A escola atende cerca de 600 alunos com a oferta de diversos cursos técnicos

A Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci) inaugurou a nova sede da Escola Técnica Estadual (ETE) de Lucas do Rio Verde (distante a 330 km de Cuiabá), instalada no Centro da cidade e disponibilizada com o apoio da Prefeitura do município.

O prefeito do município, Miguel Vaz, reforça a importância desta parceria entre Estado e Município para a realização de cursos técnicos e promoção de qualificação profissional para a região.

“Com este novo espaço, mais amplo e com melhor estrutura, já estamos alinhando novos projetos e cursos. Eu gostei de saber um pouco sobre a evolução e amadurecimento dos alunos durante o curso. Geralmente, eles começam o curso jovens, muitos vão a pé ou de bicicleta. E, ao longo do curso, arrumam trabalho e no final, vão de moto ou carro, e de barba. Aqui é uma cidade de oportunidades, e eu acredito na educação, penso que este seja o caminho para uma vida melhor a todos”, disse o gestor.

A coordenadora da ETE, Adriana Camargo, explica que o novo espaço foi construído especialmente para abrigar a escola e que agora a capacidade aumentou e as condições de atendimento estão mais adequadas.

“O prédio antigo estava muito deteriorado, e por meio de uma parceria com a Prefeitura, conseguimos este novo local, que foi construído e adaptado para nos atender. É um espaço novo, maior, na região central da cidade e com melhor estrutura para atender a sociedade” diz.

O diretor da ETE, José Otacílio Mainardi, ressalta que a ETE atende cerca de 10 municípios do entorno e que a região está em constante crescimento, portanto o mercado precisa de mão de obra qualificada.

“A escola é uma grande oportunidade de inclusão no mercado de trabalho por meio da capacitação profissional de jovens e adultos, portanto, é fundamental para um município em pleno desenvolvimento”, falou.

A escola atende cerca de 600 alunos com a oferta de diversos cursos técnicos nas áreas de edificações, administração, agricultura, agropecuária, agronegócio e segurança do trabalho.

Em agosto, começarão novas turmas, e há ainda planejamento para abrir mais cursos de curta duração para início ainda este ano.  Além dos cursos técnicos que são presenciais, atualmente a escola tem cinco turmas de ensino a distância (EAD) em andamento.

Noticias Relacionadas