Rondonópolis deve receber 5 mil doses da CoronaVac

Peter Ilicciev/Fiocruz

A cidade de Rondonópolis receberá ainda no começo desta semana aproximadamente cinco mil doses da CoronaVac. O volume das vacinas, neste primeiro momento será insuficiente para imunizar toda a população da cidade que é de mais de 240 mil habitantes.

No entanto, no decorrer dos próximos meses, a cidade deverá receber novas demandas da vacina, de acordo com a produção do Butantan e da Fiocruz, que serão os responsáveis pela produção da vacina de Oxoford e CoronaVac, no Brasil. 

Os dois imunizantes são os únicos aprovados pela Anvisa para uso no Brasil. 






O prefeito Zé Carlos do Pátio (SD) deve, no entanto, utilizar como referência as diretrizes do governo federal para aplicação da vacina. 

Os primeiros a receberem o imunizante serão os servidores da saúde que trabalham diretamente com pacientes contaminados em Unidades de Terapia Intensiva. Na sequência, idosos em casas de repouso, e idosos com mais de 75 anos com comorbidades.