Recordista em Proposições

Recordista em Proposições
Fablicio Rodrigues/ALMT

O mandato eletivo de deputado estadual tem que ser respeitado e valorizado, tendo em vista, o grande número de votos, para que um parlamentar possa se eleger. Prefiro ser redundante a ser omisso, não canso de dizer, fui eleito com uma votação expressiva 21.347; portanto, tenho dever e obrigação em propiciar à população votante, uma resposta satisfatória e salutar, principalmente, às pessoas que a mim depositaram total confiança, na certeza de bem representá-los.

Com pouco mais de quatro meses como deputado estadual, consegui apresentar um total de 890 proposições em tramitação, das quais: 735 Indicações, 60 Moções de aplausos, 36 Requerimentos, 23 Projetos de resolução, 16 Projetos de lei, 9 Moções de pesares, 2 Projetos de lei complementares, 2 Projetos de emendas, me tornando, o novato com maior número de indicações.

Proposição é toda matéria sujeita à liberação, pelas Assembleias Legislativas, visto que, originam as normas descritas no art. 59 da Constituição Federal. Cada proposição traz sua justificativa através de um texto que acompanha os projetos de lei e, em geral visa explicar a proposta e/ou expor as razões de se editar uma norma.

Na condição de deputado estadual, conto, com uma valorosa equipe multidisciplinar, que vem ao longo dos meses buscando encontrar situações que venham favorecer, principalmente os mais humildes, através de projetos exequíveis e, que venham de encontro aos anseios e necessidades das pessoas desfavorecidas pela situação econômica.

Entre os projetos por mim apresentados, alguns refuto ser de extrema importância, por favorecer principalmente as pessoas menos favorecidas pela sorte os mais humildes, os expropriados do capital.

Entre eles, vou citar apenas dois, impactantes e de alcance social inimaginável. 1) projeto que proíbe cobrança de taxa de religação de água, 2) projeto que visa restabelecer o reinício das obras paralisadas, visando minimizar, o desperdício de dinheiro público, entre outras.

Na condição de deputado estadual, venho quebrando paradigmas, mudando de forma drástica, a maneira de legislar. Nesse período, fiz visitas in loco, em diferentes regiões do estado, ouvindo dos munícipes, suas reais necessidades e reivindicações, levadas a mim, como demandas prioritárias, pois precisamos descentralizar as ações da gestão pública.

O cair é do homem, o levantar é de Deus!