Projeto social de deputado gera renda e dignidade a mulheres


O Flor do Cerrado, um projeto social do deputado estadual Thiago Silva (MDB), que tem objetivo de inserir mulheres de baixa renda atingiu mais uma vez sua proposta.

A última qualificação aconteceu na igreja Ministério Caminho da Palavra, Residencial Farias. Mais 30 mulheres aprenderam técnicas artesanais para produção de tapetes de crochê e pintura em tecido.

O curso sem qualquer custo chegou em boa hora para Sandra Mara Antunes. Devido a problemas de saúde ela não pode mais fazer trabalhos externos. “Estou afastada do trabalho e preciso melhorar a renda em casa. É um curso muito prático, em poucas semanas produzi minhas peças e já consegui várias encomendas. O grande segredo é dedicação e força de vontade. Fiquei muito feliz com que aprendi e com a oportunidade do deputado Thiago Silva”.

A Letícia Gonçalves Dias tem muito o que comemorar. Além de aprender uma nova profissão, recebeu o certificado do curso no dia do aniversário. “Adorei o presente. Esse certificado vale muito. Sempre achei muito bonito essas peças de artesanato, mas achava que não levava jeito. Mas eu todas as outras aprendemos e agora estamos prontas para colocar nosso conhecimento para produzir e contribuir com orçamento em casa. Esse curso representa muito o que é o deputado Thiago Silva. Uma pessoa preocupada em gerar oportunidades. Obrigada”.

Thiago Silva já iniciou, com sua equipe, planejamento para desenvolver novas iniciativas que favoreçam as mulheres. “Eu tenho muito orgulho do Flor do Cerrado. Todos os polos com vagas preenchidas, sem desistências e com muitas mulheres de garra. Vamos lançar outras ações que visem oportunizar emprego e renda para nossas mato-grossenses”.

Com menos de um ano de criação o projeto Flor de Cerrado já qualificou mais de 200 mulheres.