PRF: apreensão de drogas é recorde no Paraná em 2019

O balanço foi divulgado pela PRF na manhã desta terça-feira (7) - Divulgação PRF



A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 62.994 quilos de drogas em 2019, no Paraná. É a maior quantidade de toda a série histórica da PRF no estado, iniciada em 2010. Do total de drogas apreendidas 58,2 toneladas são de maconha; 4.08 toneladas, de cocaína; e 648 quilos, de crack. O recorde anterior foi registrado em 2015, com 62,7 toneladas de drogas.

Os policiais rodoviários federais no Paraná também retiraram de circulação 39,7 milhões de carteiras de cigarro contrabandeado do Paraguai, 199 armas de fogo e 26,7 mil munições, de diversos calibres. O balanço foi divulgado pela PRF na manhã desta terça-feira (7).

Prisões

No total, 448 pessoas foram presas ano passado por tráfico de drogas e outras 376, por contrabando ou descaminho em território paranaense. A PRF apreendeu ainda 115,7 mil unidades de medicamentos ilegais e 14,7 toneladas de agrotóxicos irregulares e recuperados 581 veículos com alerta de roubo ou furto.

Comparação com o ano passado

Em relação a 2018, as apreensões de drogas cresceram 23,5% no Paraná. Passaram de 51 para 63 toneladas. E as de cigarro, mais do que dobraram. O total de carteiras de cigarro apreendidas saltou de 18,4 para 39,7 milhões. As apreensões de armas cresceram 40,1%, passando de 142 para 199 unidades. E as de munições subiram de 20,7 para 26,7 mil, uma alta de 29,1%.