Povo Boe Bororo presta última homenagem à servidora da Funai, em velório marcado pela emoção

Picture of Lucas Perrone

Lucas Perrone

Comunidade presta última homenagem à servidora da Funai Foto: César Augusto

Povo Boe Bororo presta última homenagem à servidora da Funai, em velório marcado pela emoção

Compartilhe:

O  velório da servidora da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai), Ana Clara Oliveira  foi marcado pela participação da  comunidade Boe Bororo de Rondonópolis. Ela era chefe da coordenação técnica da Funai e morreu na madrugada do último sábado.A presença de representantes de grupo foi marcada pela emoção de todos os presentes.

Ela foi velada ontem no cemitério da Vila Aurora em Rondonópolis.

Ato foi reconhecimento do povo Boe Bororo

O fotografo Cesar Augusto Andrade, que tem feito um trabalho, junto a Comunidade Boe Bororo e que acompanhou , o velório destacou que a presença da comunidade Boe, foi um sinal de respeito pelo trabalho realizado pela servidora da Funai.

Leia mais sobre o assunto: LUTO- Rondonópolis perde chefe da coordenação técnica da Funai

Ao Primeira Hora, César declarou que os representantes do povo Boe Bororo, fizeram durante o velório, o canto do funeral. “Isso mostra que ela foi uma pessoa verdadeira com o povo Boe e tem o respeito, ela conquistou a confiança de todos”, disse.

Ana Clara tinha mais de 30 anos de serviços prestados na Funai

Ana Clara faleceu em decorrência de uma parada cardíaca. A informação é que ela deu entrada na UPA na madrugada de quinta para sexta (17), e foi encaminhada ao Hospital Regional com uma infecção auditiva que acabou evoluindo para meningite, e acabou morrendo ao ser transferida para a UTI Neurológica, onde teve as paradas cardíacas, que resultaram em sua morte, em menos de 24 horas.

Ana Clara estava há mais de 30 anos trabalhando na Funai e era muito querida pelo colegas de trabalho e os indígenas da região.

Ela tinha dois filhos adultos e deixa ainda duas netas e um neto.

Deixe um comentário

+ Acessados

Veja Também

Quer ser o primeiro saber? Se increve no canal do PH no WhatsApp