Ponte de concreto sobre o Rio das Mortes será a maior de Mato Grosso

A ponte terá 483 metros de extensão e vai interligar os municípios de Cocalinho e Nova Nazaré, região do Médio-Araguaia

Ponte de concreto sobre o Rio das Mortes será a maior de MT - Foto por: Secom-MT

Com obras previstas para iniciar ainda neste mês de julho, a ponte de concreto na rodovia MT-326, sobre o Rio das Mortes, será a maior ponte dessa estrutura já construída em Mato Grosso.  A ponte terá 483 metros de extensão e vai interligar os municípios de Cocalinho e Nova Nazaré, região do Médio-Araguaia.

A ordem de serviço para início da obra foi assinada pelo governador Mauro Mendes, que destacou a importância da ponte especialmente para a economia da região, que está se transformando em um novo eldorado de Mato Grosso em razão da produção agrícola e extrativismo mineral.

“Na campanha de 2018 eu andei nas regiões do Araguaia, conversando com algumas pessoas sobre nosso projeto como candidato a governador de Mato Grosso. Naquele momento eu fiz um único compromisso, que é com essa ponte sobre o Rio das Mortes, pois para mim estava extremamente claro que era uma obra estratégica para a região como um todo, pois não é uma obra para um município, mas para toda uma região”, afirmou.

Ponte de concreto sobre o Rio das Mortes será a maior de MT

Estão previstos investimentos de R$ 52 milhões na construção da ponte, que será executada pela construtora Rivoli SPA. A previsão é de que já sejam iniciados os serviços de fundação, para que a obra seja concluída em 2021. Com a construção, a ponte sobre o Rio das Mortes vai desbancar a ponte de 341 metros, sobre o rio Teles Pires, em Nova Canaã, como a maior ponte de concreto do Estado.

Mas as obras não param por aí. De acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), Marcelo de Oliveira, a ponte sobre o Rio das Mortes será a maior ponte até agora, pois estão em fase de elaboração de projeto as pontes sobre o Rio Teles Pires, com 690 metros, e sobre o rio Juruena, com 1,4 mil metros de extensão.

“A ponte sobre o rio das Mortes sempre foi colocada pelo governador Mauro Mendes como prioridade, pois tínhamos que resgatar o Araguaia. Essa é uma obra importante, que vai diminuir os obstáculos ao crescimento de Mato Grosso e representar um novo tempo para o Araguaia. São mais de 500 bitrens que se avolumam para fazer a travessia de balsa e a ponte será um grande fator de escoamento de grãos e calcário da região”, disse o secretário.

A ponte terá 483 metros de extensão e vai interligar os municípios de Cocalinho e Nova Nazaré, região do Médio-Araguaia

Para a prefeita de Cocalinho Dalva Peres, a construção da ponte é a realização de um pedido antigo e de um sonho de toda a região do Araguaia, que ainda depende exclusivamente das balsas para fazer o trajeto na MT-326. Uma obra que vai representar um salto no desenvolvimento não apenas da região, mas de Mato Grosso.

“Sabemos que aquilo que se cobrava para o povo está sendo bem cobrado. Agradeço muito o trabalho desse governo com nossa região. Desde que entramos na gestão municipal viemos cobrando firmemente e de forma veemente e agora estamos vendo que as obras estão saindo do papel e realmente acontecendo. O povo de Cocalinho agradece por essa ponte”, disse a prefeita.

O prefeito de Nova Nazaré, João Teodoro Filho, também reconheceu a importância da ponte como um patrimônio de Mato Grosso e não apenas dos munícipios.  “Uma ponte que vai trazer maior fluidez na Rodovia do Calcário e interligar vários municípios, como Água Boa e Canarana. Um grande ganho para Mato Grosso”, disse.