Polícia prende suspeito de estuprar e matar menina; corpo foi achado em caçamba de lixo

Picture of R7

R7

Sofia foi encontrada morta após ter ficado desaparecida - Reprodução/Record

Polícia prende suspeito de estuprar e matar menina; corpo foi achado em caçamba de lixo

Sofia Ângelo, de 11 anos, desapareceu a caminho da escola; ela foi vista pela última vez ao lado do homem conhecido da família

Compartilhe:

A Polícia Civil prendeu o suspeito de estuprar e matar a menina Sofia Ângelo, de 11 anos, na Ilha do Governador, na zona norte do Rio de Janeiro, nesta terça-feira (28). O corpo da criança foi encontrado em uma caçamba de um caminhão de lixo, de acordo com a Polícia Militar.

Sofia havia desaparecido a caminho da escola na segunda-feira (27). Imagens de câmeras de segurança obtidas por parentes flagraram a criança caminhando ao lado do homem, que é conhecido da família.

Durante as investigações, roupas da menina foram encontradas na casa do suspeito. Ele foi levado para a 37ª DP (Ilha do Governador) para prestar esclarecimento e acabou preso em flagrante por homicídio, ocultação de cadáver e estupro de vulnerável.

Muito abalado, o pai de Sofia, ao saber que a filha havia sido encontrada morta, contou que ela teria sido atraída pelo ex-cunhado sob o pretexto de visitar uma tia.

Além disso, ele revelou, em entrevista à RECORD, que o suspeito possuía um histórico de abusos cometidos contra outra vítima da mesma família, o que não teria sido denunciado à polícia.

Deixe um comentário

+ Acessados

Veja Também

Quer ser o primeiro saber? Se increve no canal do PH no WhatsApp