Polícia Militar promove ato de valorização a sargento em seu último dia de trabalho

Sargento Ademir Queiroz chega à reserva remunerada com quase 30 anos de serviços dedicados à corporação.

Polícia Militar promove ato de valorização a sargento em seu último dia de trabalho
O comandante–geral da PM, coronel Assis, recepcionou o sargento na porta de casa e o entregou de forma solene à família - Foto por: SD. ELIAS/ PMMT

No seu último dia de trabalho, o sargento da Polícia Militar Ademir Santana de Queiroz, de 58 anos foi recepcionado ao som da banda da PM, na porta de casa pelo comandante–geral da Polícia Militar de Mato Grosso, coronel Jonildo José de Assis, no bairro CPA IV, em Cuiabá.

A surpresa ao policial na tarde desta quinta–feira (16) faz parte de um ato de valorização e reconhecimento promovido pelo Comando–Geral da PM. Sargento Ademir Queiroz chega à reserva remunerada com quase 30 anos de serviços dedicados à corporação.

Casado e pai de dois filhos, o militar possui em sua  ficha funcional uma trajetória pautada na legalidade e no compromisso com atividade policial. Ações importantes, que o colocaram entre a vida e a morte, marcam a carreira do militar.

Em 2016 o policial sofreu um assalto no bairro onde mora, reagiu e acabou detendo os criminosos. Uma grande apreensão de 300 kg de pescado ilegal também faz parte do histórico profissional, que atualmente estava lotado no 3º Batalhão de Polícia Mlitar na capital.

Para o comandante–geral da Polícia Militar, Jonildo José de Assis, a homenagem é uma forma de agradecer o policial e sua família pela dedicação.“É um ato solene de valorização do policial. O sargento Queiroz entrou nas fileiras da polícia militar no ano de 1992 e têm grandes serviços prestados à sociedade mato-grossense. É um policial com uma ficha exemplar com grandes atuações à frente da PM”, conta coronel Assis.

Antes da chegada do policial à sua residência, coronel Assis e a esposa do sargento modularam via sistema de rádio da PM uma mensagem de agradecimento ao policial; homenagem que gerou por alguns segundos uma grande comoção por parte de colegas de farda que fazem parte da área do 3º Batalhão da Polícia Militar.

Casada há 17 anos com o sargento Ademir Queiroz, a esposa do militar Idinalda Queiroz conta que ficou feliz e muito surpresa quando foi convidada para fazer parte da homenagem surpresa ao marido.

“Eu fiquei bastante surpresa e feliz, meu marido sempre foi muito dedicado, cumpria o horário de trabalho rigorosamente. Eu e meus filhos tivemos muita paciência com ele, porque a profissão exige muito do policial e também da família. Agora ele vai acompanhar mais os filhos. Agora o Queiroz agora estará mais presente, e isso deixa a família orgulhosa e feliz”, conta Idinalda Queiroz.

Após a homenagem via rádio, o policial foi até sua casa e lá recebido pelos colegas de batalhão e pelo comandante–geral da PM que recepcionou o sargento e o entregou de forma solene à família que agora desfrutará ainda mais da presença do policial.

“É com grande satisfação que nossa instituição faz a entrega de um pai de família que está retornando ao seio familiar. Queiroz carregue contigo o orgulho de ter defendido a sociedade com o sacrifício da própria vida”, disse via sistema de rádio coronel Assis.

Emocionado, o policial militar diz que teve muita sabedoria e que não foi fácil chegar a tantos anos de corporação. “Não foi em vão toda a minha dedicação a PM, significa que cumpri a missão. É muito bom ser reconhecido, e é bom também agora descansar, ficar mais perto da família”, ressalta o sargento Queiroz.