Polícia Civil de MT reforça combate a ilícitos ambientais

Picture of Polícia Civil-MT

Polícia Civil-MT

Polícia Civil de MT reforça combate a ilícitos ambientais

Compartilhe:

A Polícia Civil de Mato Grosso recebeu nesta terça-feira (07.03), durante lançamento da Operação Amazônia 2023, um veículo 4×4 que reforçará a atuação da Delegacia Especializada de Meio Ambiente no combate a crimes ambientais no estado.

A edição da Operação Amazônia tem como foco de trabalho a eliminação do desmatamento ilegal em Mato Grosso e foi lançada pelo governador Mauto Mendes e os secretários de Estado de Segurança Pública, César Roveri e de Meio Ambiente, Mauren Lazaretti, e dirigentes das forças de segurança.

Serão empregados 200 profissionais que atuarão diversas estratégias montadas pelas secretarias de Meio Ambiente e Segurança Pública, com apoio de instituições parceiras.


 

A camionete destinada à Dema foi entregue ao delegado-geral adjunto, Rodrigo Bastos. Os veículos para os trabalhos das forças policiais e de fiscalização são equipados com guincho e quatro telefones via satélite, que permitem a comunicação em locais remotos onde não há antena para sinal telefônico e internet. Os investimentos para a operação são financiados com recursos internacionais do Programa REM, na ordem de R$ 1,6 milhão para a locação dos veículos, pelo prazo de 12 meses, e de R$ 74 mil para os celulares via satélite.


 

Também participaram do lançamento da Operação Amazônia o diretor de Atividades Especiais da Polícia Civil, delegado Vitor Hugo Bruzulato, e a equipe da delegacia especializada.

A delegada titular da Dema, Liliane Murata, destaca que a Operação Amazônia já faz parte da rotina da unidade especializada. “No ano anterior, foram realizadas 20 ações operacionais pela delegacia, em conjunto com a Sema e parceiros, no combate a ilícitos ambientais, tais como extração ilegal de madeira, desmatamento e incêndio ilegal”, destacou a delegada.

Com informações da Sema-MT

Deixe um comentário

Veja Também

Quer ser o primeiro saber? Se increve no canal do PH no WhatsApp