Polícia Civil de MT cumpre mandados contra alvos de operação da polícia paranaense

Investigação apura quadrilha envolvida em golpes aplicados na compra e venda de produtos pelo site OLX

Foto por: Gabriel Aguiar/Sesp-MT/ilustrativa

A Polícia Civil de Mato Grosso deu apoio nesta quinta-feira (04.03) à Operação Ponta do Iceberg, conduzida pela Polícia Civil do Paraná, que investiga uma quadrilha envolvida em golpes aplicados por sites de compra e venda na internet. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão contra alvos da operação nas cidades de Cuiabá e Várzea Grande.

A Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol) de Mato Grosso cumpriu seis ordens de busca e apreendeu notebooks, computadores e aparelhos celulares de alvos que foram identificados na investigação coordenada pela 14a Subdivisão de Polícia Civil de Guarapuava, no Paraná.

O objetivo dessa fase da operação é reunir informações a partir da extração de dados de computadores e celulares utilizados para aplicar os golpes contra vítimas que realizam compras por meio de sites da internet, como o OLX.




Outros mandados da Operação Ponta do Iceberg foram cumpridos nos estados de São Paulo e do Paraná.

Os golpes são praticados mediante fraudes, em que o estelionatário age como intermediador entre a pessoa que vende o produto e o comprador, sem que ambos saibam dessa intermediação, pois quem está vendendo o veículo acredita que está tratando com o comprador verdadeiro. Após a conclusão da compra, quando o intermediador golpista recebe os valores das vendas, é que as vítimas percebem o prejuízo.

Os materiais apreendidos pela Polinter em Cuiabá e Várzea Grande serão encaminhados à Polícia Civil em Guarapuava.